h1

Revoltou-me em Portugal

21 de junho de 2009

Nem tudo são flores e, como previsto, alguns fatores me foram decepcionantes às terras portuguesas. Logicamente, como todo país, Portugal tem seus defeitos sociais, seus erros políticos e suas falhas de organização, embora, devo deixar claro, sejam praticamente como uma leve brisa frente ao que encontramos no Brasil, um país que realmente precisa de mudanças.

Os fatos principais que me atingiram negativamente em Portugal foram insignificantes, é verdade, mas não poderia deixar de relatá-los. Apenas detalhes basicamente idiotas perante à complexidade existencial do país.

1. Quando as noites começam:

Não espante-se caso ouça, em Portugal, a expressão “oito da tarde”. Foi com imenso espanto que vivenciei pela primeira vez algo que já tinha ouvido falar: o sol sumindo somente lá pelas nove horas. Para um amante das noites, como eu, é realmente ruim ter de lidar com o sol até tão tarde, desejando logo o frescor trazido pelo período noturno.

2. Quando a farra começa:

Não sei se é ou não um reflexo do ítem número 1, mas algo que me decepcionou muito em Portugal foi descobrir que as discotecas só começam a realmente ter ALGUÉM, após as 2:30 da manhã. Antes disso, ficam absolutamente vazias.

O povo português prefere ficar de 3 às 5 curtindo uma noite, algo que realmente não consegui entender, vide que no Brasil as noites em discotecas começam lá pela meia noite e só acabam às seis horas. Frustrante.

3. Vai beber? Prepara o bolso.

Sabe quanto custa um drink comum numa discoteca portuguesa? Por volta dos 4,50 Euros. Isso uma simples Bacardi de Limão. São quase 15 reais por um copo. Revoltante.

4. Quer ver futebol? Melhor não estar com sono.

O fato que mais me revoltou em Portugal foram as narrações das partidas de futebol. Nunca vi nada do tipo.

Os narradores são pífios, beiram ao ridículo. A emoção transmitida por eles é igualável à cobertura de um funeral. Mais parecem que estão dormindo. Sintam o nível da narração do primeiro gol do Brasil contra a Itália (imaginem uma voz sempre no mesmo tom, sem variação):

“E é golo do Brasil, Luís Fabiano coloca a equipa brasileira em vantagem. Agora um a zero contra a seleção italiana. Luís Fabino corre para as câmeras para dar entrevistas aos jornalistas brasileiros”.

Morram, narradores portugueses, vocês realmente fedem. Não admito, nunca mais, que um brasileiro reclame do Galvão Bueno. NUNCA!

5. Técnicas anti-imigrantes:

Está em Portugal e decidiu dar uma passada em Roma e depois ir para outro lugar? Esqueça.

As leis contra imigrantes exige que você compre passagens de ida e volta, além de deixar absolutamente claro o hotel em que vai ficar, entre outras coisas. As leis são extremamente rígidas, mas o que eles não percebem é que elas só prejudicam o turista, não os imigrantes ilegais, que facilmente encontram métodos de burlá-las (comprando ida e volta e reservando hotel, por exemplo).

Agora, por exemplo, vou para Stuttgart e voltarei de carro para Portugal. Mesmo assim, tive de comprar passagem de ida e volta, que deixou tudo absolutamente caro. É uma estupidez sem tamanho, vide que, uma vez em Portugal, eu teoricamente tenho pelo menos 3 meses de liberdade entre os países da comunidade européia.

Enfim, é isso. Em breve mais depoimentos sobre a Alemanha.

Anúncios

52 comentários

  1. Nem tudo é perfeito, o gramado do vizinho sempre é mais verdinho! 😉

    É muito ruim essa sensação da noite não vir, você olha no relógio e vê 7h da noite e o dia está absolutamente claro!

    Quanto a migração: é verdade, minha esposa está indo para França agora em julho e PARECE que, além de ter a passagem de ida e volta reservada e ter um hotel com reserva, ela ainda tem que levar uma quantia MÍNIMA de dinheiro para poder passar o dia na cidade… um absurdo…

    Grande abraço.


  2. Todos os relatos negativos de Portugal são insignificantes mesmo…

    Pretendo fazer intercâmbio aí em Portugal, já que meu inglês não é muito bom, muito menos meu espanhol. A universidade que estudo tem esquemas legais de intercâmbio para fora do país sendo que um dos pré-requisitos é um breve conhecimento da língua falada no país onde vamos.

    Vou tentar me inscrever para fazer um semestre do meu curso na Universidade de Coimbra, alguns amigos que foram disseram ser uma experiência muito bacana.

    Aliás, está sendo legal a leitura dos últimos posts, por isso mesmo. Conhecer melhor algumas coisas daí.

    Ah, e lembro da narração portuguesa da Eurocopa de alguns anos atrás, quando Portugal perdeu para a Inglaterra se não me engano: “Figo bom a bola, chutou, eu não acredito, eu não acredito, eu não acredito…”. O narrador dizendo não acredito com o jeitão português, puxando bem o R era demais.

    Abraço


  3. Hahahaha.

    Tava esperando algo do tipo. Portugal não podia ser tão perfeito como tu relatava. Hehehe.
    Tá certo que são detalhes bobos como tu diz, mas eu, como adoro noite, as discotecas só começarem a ter gente as 2:30 é algo estranho…e eu como eu também adorador do esporte, ver um jogo de futebol sem aquela emoção, não tem graça. Ainda mais pagando um preço assim por um Bacardi…chegou a pedir o preço de Smirnoff Ice? rsrs.

    Ah, e Felipe, esqueceu de relatar como são as girls dai…bastante mulheres bonitas?

    Enfim, espero que tu tenha uma boa viajem até Alemanha, e espero que tu curta…pois eu gosto muito daquela terra, mesmo nunca ido pra lá :D.

    Obs: Postei um texto no meu Blog faz uma hora mais ou menos, e usei a mesma expressão: “Nem tudo são flores e…” hehe, transmissão de pensamento?!


  4. Mas e ae, Felipe, como foi a chegada na imigração? Foi tranquila? Fui ano passado pra passar uma semana em Coimbra (tratar de assuntos de Mestrado) e não tive maiores problemas. Mas fui direto ao Porto (GRU-OPO). Esse ano, em novembro, vou com minha noiva para Portugal para voltar pra cá de navio, só que o avião vai pra Lisboa. Está tranquilo ou tão de marcação forte?
    Boa viagem. Abraço.


  5. Na cidade que eu to aqui nos EUA, a noite chega as 22hrs 😛 antes disso tem sol hehehe muito estranho.

    Narracao de futebol em ingles? Igual a de portugal!


  6. O bom de viajar é ver não só o lado bom como também o ruim do país. Um dia ainda vou pra Rússia e talvez lá encontre coisas bem mais peculiares. Enfim, viva Galvão e vá tomar água com limão e gelo que é melhor! 😀


  7. É, os comentadores cá em Portugal são uma bela merda! E os preços das bebidas… Concordo, mas depende muito do sítio!! Eu sou do Porto e cá qualquer bebida branca custa cerca de 5€. Já em Braga, onde estudo, a primeira vez que saí à noite vi que um shot custava…. 0,70€!!!! Não era uma discoteca, era um bar, mas ainda assim!

    E sim, esta mania dos tugas só irem pa disco às 2 ou 3 da manhã já irrita!


  8. “Se achares um lugar perfeito as pessoas destruiram essas perfeições”(Matheus)
    entenda que na alemanha vai haver coisas boas e ruins e em todos paises.
    ah e eu acho que esse dia longo é por causa do solticicio de 21 de junho se não me engano


  9. Se voce gosta da noite deveria ter ido no inverno, quando escurece 4horas da tarde e é um frio do caralho (deveras depressivo).
    O preço da bebida é proporcional ao salario em Euros.
    Portugal é um dos paises mais atrasados da europa, é pior que o sul do Brasil.
    Gosto de lembrar para quem acha tudo perfeito quando vai aos Estados Unidos ou à Europa é o fato da diferença de vida de turista da vida “normal”. No hotel obviamente será bem tratado (exceto na Republica Tcheca, Slovaquia e outros países do leste, onde nem isso existe), mas na hora de trabalhar e achar lugar pra morar a coisa é outra. O povo alemão é muito mais receptivo e simpático do que o portugues.
    Isso da balada começar as 2h30 achei MUITO estranho, pois a grande maioria dos lugar FECHA as 2hrs, acendem a luz e se voce estiver com um copo na mao tem que deixar e se mandar. Em Londres é assim por ex (salvo algumas baladas), e bebida alcolica em mercado só ate as 11 da noite.
    Abraço e boa viagem


  10. O Kleber tem razão. A Alemanha é o país mais receptivo da Europa, ao contrário do que muita gente pensa. Moro na Alemanha há um ano, em um intercâmbio universitário da USP, e não tenho absolutamente nada para falar contra esse país. Com certeza é o melhor país da Europa, tanto para se morar quanto para se visitar (incrivelmente é um dos países mais baratos para uma noitada). Quanto ao preço, Felipe Neto, é isso mesmo. Nem tudo são flores, mas isso serve para você deixar de puxar tanto o saco da Europa. Mas espere até ir para Paris, onde meio litro de cerveja chega a custar 8 euros…
    Mas, sem dúvidas, há muito o que melhorar no Brasil…
    Um grande abraço


  11. Só não concordo com a parte do Galvão Bueno. Já virou tradição no país malhar o cara….


  12. Ah, e além do mais, ele é chato prá burro, mesmo…


  13. Pô, e as comidas daí, são boas? E os souvenires que você comprou?

    —————————————-

    Não senti grande diferença nas comidas, sinceramente. E ainda não comprei nada.


  14. Muito engracados estes seus posts sobre Portugal. Lembre-se que Portugal é o pais com menor economia e pior IDH da Europa ocidental. Prepare-se para se surpreender com a Europa de verdade na Alemanha e se prepare para pagar 9 euros pelo seu drink.


  15. Discoteca?! HAUSHUAHSUAHSUAH
    Pelo jeito você tá viajando no tempo também…

    ———————————–

    As noites têm nomes diferentes em vários lugares.

    No Rio, chamamos de boates, mas em São Paulo e aqui em Portugal, boates são prostíbulos. Logo, discoteca é o nome que mais se encaixa em todos os lugares.


  16. Ta muito boa a cobertura da tua viagem Felipe, muito interessante ler sobre as diferenças entre Portugal e Brasil.
    Moro na Suiça a um bom tempo, e sinto te informar que se você acha 4,50 euros cara uma bebida na discoteca se prepare pra quando vier pra ca!
    Boa viagem e boa sorte com teu blog (site), que curto muito!

    Abraço


  17. texto sem graça


  18. Muito boa mas acho que você deveria colocar mais fotos e vídeos.


  19. Não leve a mal, mas você tem que melhorar na colocação pronominal. Não fique colocando sempre o pronome depois do verbo, achando que é mais chique, elegante, ou parece mais culto. Às vezes você parece a Lady Kate do Zorra Total escrevendo.

    “Não espante-se…”

    ——————————————

    Isso incomoda-te?


  20. É…espero que encontre dias mais curtos na Alemanha, boa sorte por lá.

    Abrss.


  21. q inveja de ti


  22. boa sorte com o alemês.


  23. nove horas? D: que horror!


  24. Ah, mas esses poréns nem são tão revoltantes…

    Revoltante é aqui que a bebida também é cara e incompatível com o salário mínimo. O valor da bebida só pesa pros turistas, pois pelo que você disse sobre o salário mínimo, esse valor não pesa tanto para quem paga em euros.

    E quanto às discotecas, meio deprimente mesmo… mas os horários de funcionamento dos estabelecimentos são diferentes? Pergunto isso porque na Espanha geralmente o horário de funcionamento é das 9H30 até às 14H00 e desde as 17H00 até às 20H00. (deve ser estranho ver quase tudo fechado no meio da tarde, hehehe)

    Ah, já que você está indo pra Alemanha, não se esqueça de comentar sobre as cervejas no próximo post!! 😉


  25. Porque em todo lugar tem sempre uns babacas falando merda sem conhecimento de causa. Exemplo: Esses dois babaquinhas aí em cima, KLEBER e VITOR SERTORI. Dizer que a Alemanha é o pais mais receptivo da europa é tão estúpido quanto afirmar ser o Brasil um pais de primeiro mundo. Eu vivi 5 anos na Alemanha e tive a oportunidade de conhecer toda a Europa e digo de cadeira que o povo menos receptivo do planeta é o povo ALEMÃO e o FRANCES. Depois dos Italianos que são um amores de pessoas em receptividade, vem os Portugueses. Não digam besteira sem conhecimento de causa.

    No tocante a ter de comprar IDA e VOLTA para garantir que o sujeito não permaneça de forma ilegal no país, realmente é uma estultice das grandes. Ora, se eu pretendo permanecer num país qualquer, logicamente irei comprar IDA e VOLTA e não voltar… hahahahahahahahahaha O sujeito que inventou isso deve ser brasileiro…..

    Acha caro 15 reais por um Drink numa Discoteca? Olha que por aqui no Brasil o preço não fica muito distante não. Se partirmos do princípio que um simples refrigerante custa nos restaurantes R$ 4,50, um drinque na Europa a R$ 15,00 é barato. Acho que você é que está duro…. heheheheheheheh

    Manda fotos meu……..


  26. Vai passar algum tempo em Munique ou Berlim?
    To morando em Munique mas vou embora no sábado…
    Em Berlim fico Domingo e Segunda…
    Abraço!

    ————————————

    Nao nao, só Rotweill mesmo.


  27. Realmente, meu namorado é portuga.. Passamos 4 meses namorando a distancia, ele em Lisboa e eu em Fortaleza. Todo dia eu aprendia algo novo.. Nos fins de semana, eu ficava ate umas 4 ou 5 da manhã conversando com ele no msn e torturando também, porque lá já eram 8 u 9 da manhã.. Graças a Deus ele já tá no Brasil, essa diferença cultural e geográfica tava me deixando meio tonta já.. rs


  28. Na Alemanha veremos outro post sobre as desvantagens para não ficarmos com mais raiva do país em que vivemos?


  29. Hahahahaha pois é… nem tudo são flores. No começo, quando tudo é novo, nos encantamos com cada acontecimento e o que quer que seja, mas com o tempo saímos desta “bolha” e percebemos como as coisas realmente são. Só vivendo-as para saber.

    E que venha a Alemanha!
    Aguardo novidades.

    Abração
    =]


  30. Sabia que os portugueses quqndo vao viajar pra franca ou pra espanha falam que eles vao “viajar pra Europa”?Isso porque eles se sentem tao diferentes do resto que nem se consideram parte.POrtugal ‘e o pais mais pobre da europa ocidental, e se at’e a Franca tem seus problemas e mendigos, tenho certeza que o maior problema de porugal nao deve ser os narradores de futebol.
    Ah, e o preco do drink ‘e proporcinal ao salario em euro.Achou caro 4,50 em potugal, vai querer morrer entao de pagar o dobro disso em paris.Quando voce vem pra europa, se comeca a convertir o euro pro real, vai ficar maluco….

    ————————————

    Fiquei uns bons dias em Portugal e ninguém deu a entender essa idéia de se sentirem fora da Europa, muito pelo contrário.


  31. Na verdade isso aí de ser melhor pra morar em Portugal ou no Brasil é relativo.
    É melhor ser Rico no Brasil que pobre em Portugal.

    —————————————–

    Eh melhor ser rico no Brasil que pobre em qualquer parte do mundo, ora porra.


  32. huahau Eu sempre falo isso do galvao bueno, e o pessoal scaneia….vcs no brasil reclamam Eu moro em Lima, e os comentaristas daqui sao horriveis,

    sao monotonos, nao falam nada por horas e voce só fica escutando o barulho do estadio, e quando falam vem acompañado de propaganda

    tiro de linha da cusqueña
    escanteio da crista e etc…..

    ai eu falo que sinto saudade do Galvao bueno e riem de mim


  33. Outra babaca essa essa tal de LIA. Vá estudar antropoligia cultural minha filha. Nunca vi semelhante babaquice. Dizer que os Portugueses não sabem que fazem parte da Europa deve ser piada. hahahahahahahah
    Se você dissesse que os brasileiros não sabem que estão situados na América do Sul, tudo bem, dá para acreditar, mas logo os portugueses. Portugal mais pobre da Europa… nossa… outro pontapé na cultura… onde te ensinaram isso Lia? Voce por acaso estudou em escola pública? Com certeza. É por essa mentalidade tacanha e estulta que somos um república das bananas.


  34. Se tu achas que a bebiba ai é cara, e aqui que sao de 10 a 15 euros, chega da ateh uma tristeza na hora de beber ! Quando eu encontro a 5 eu fico tao feliz haha ..
    Na minha cidade as festas tbm soh começam as 2 da manha, aqui que começa meia noite eu acho eh mt estranho .. Cada um com o seu costume né ?!
    E se gostaste de Portugal, a Alemanha é muito perfeita .. Tu nao ve nem uma poeirinha voando nem nada, o unico problema é que as pessoas nao riem muito, nem as crianças sorriem pra ti .. eu fiquei arrazada com isso ! hahaha .. Mas eh mt lindo la, eu gostei (:


  35. Além da Alemanha, você também vai dar uma passada em Paris?

    ————————————

    Sim, sexta.


  36. não sabia disso… tem mais lugares assim na comunidade européia?


  37. Olá meu nome é Felipe, tenho um blog na internet em que adoro falar sobre problemas sociais e miséria da população, não conheço isso, nunca o vivenciei, mas gosto de falar mal desse desleixo do povo, enquanto isso viajo pra Europa bancado pelo papai e vou pra festinhas da Globo.
    Adoro falar sobre assuntos já Prontos: Copa 2014 será um fracasso, a quantidade absurda de informações da Air France, Ídolos de Esgoto…
    Enquanto passeio por Portugal, meto o pau no Brasil e seus problemas sociais, e encho a bola de Portugal, não, eu prefiro acentuar mais os defeitos do Brasil que as qualidades. O que eu faço pra mudar a situação? Não sei, estou ocupado nas Discotecas da Europa.

    ———————————-

    Uma pena sua critica ter ficado tao vazia quando disse que estou sendo bancado na viagem… Estava indo tao bem…


  38. Bem, nunca achei que os portugueses se sentissem menos europeus ou fora da Europa! Já viajei para muitos outros países europeus e nunca disse “vou viajar para a Europa”. Portugal já era Portugal muitos séculos antes da Europa ser Europa! 😀

    E sim, é um dos países mais pobre da Europa se só contarmos a Europa do Norte e Ocidental. Por exemplo, antes deste países todos entrarem para a União Europeia, Portugal estava sempre na cauda em tudo o que era estatísticas da UE. Excepto em alcoolismo e analfabetismo, aí sempre fomos os primeiros! Acho que o que a Lia disse foi isso mesmo: Portugal é um dos países mais pobres da Europa Ocidental e isso é verdade.


  39. Eu já esprava por este texto… após alguns dias à mais em Portugal. Agora, esse narrador esportivo que você ouviu por aí deve ser ruim mesmo, porque eu não sei o que é pior: assistir jogo na Globo e ter que aturar o Galvão falando besteiras ou assistir na Band e ter que ouvir o ex jogador Neto comentando.


  40. […] Texto: Pontos negativos de Portugal […]


  41. sou portugues, e cara isso ai nao eh nada.. noite na frança? la pras 22h
    e btw, discotecas começando a ferver as 2h30 eh q eh bom ;D


  42. fikei 6 horas na imigraçao…o dia realmente e um teeeeeeeeedio..nunca acaba!
    fora a falta de educaçao deles,qndo percebem que vc e brasileiro!Pra mim,Portugal nunca mais!


  43. Pow cara imagina eu q moro aqui ha 10anos, da vontade de explodir esse pais..
    E vc nao sbe da missa metade, qdo se mora aqui e’ q se ve o qto a maioria
    detesta os brasileiros, fazem tudo pa rebaixar agente, o qto esse pais e’
    pobre de espirito.. enfim!

    Mas não e’ so coisas ruins, tbm tem pessoal mto legal q da pa conviver e ate
    tem alguns lugares bons pa ir..

    Mas pa vc morar em Portugal tem q se em cidade grande, pq fora isso
    se vc nao tiver carro nao vai pa lugar nenhum. Aqui não tem abundancia
    de transportes como ai, no Porto, Lisboa, Braga, Algarve, Aveiro, sim,
    agora de resto tu ta ferrado se quiser passear.. E’ tudo extremamente caro
    e vc nao ganha tao bem assim pq o salario minimo e’ uma miseria e nao da
    pa nada..

    Agora qto ao Adriano Leal, cara e’ assim eu to na facul.. aqui o ambiente
    dependo pa onde vc vai é optimo.. Coimbra entao, é o mlhr ambiente do pais,
    é chamada a cidade universitaria aqui.. Vc vai conhecer o mlhr de PT indo
    pra la, alem d ser uma univ conceituada mto boa, vc faz bem.. Mas cara vem
    aqui 6meses ou 1ano e vai embora.. Pq dps tu cansa dessa porcaria, acredita
    q eu sei o q eu to dizendo 😉


  44. Sou português , Portugal e um dos países mais pobres da Europa mas não tem ma qualidade de vida a noite começar as 2:00 da manha aqui e normal li ai que no inverno a noite começa 4 da tarde e mentira começa 6 da tarde espero que tenha gostado do pais.já agora chegou a passar por Braga ?


  45. Acho que vc não sai no brasil, 15 reais é um drink em qualquer casa noturna do Rio…

    ——————————————–

    Esse “qualquer” casa noturna do Rio realmente não tem valor, visto que todas que eu frequento chegam, NO MÁXIMO, a cobrar 12 reais na dose do uísque. De resto, tudo custa bem menos.


  46. bem como portuguesa que sou… e com muito orgulho… vou ter msmo de fazer uns comentarios…
    se voce reclama de portugal et nao queira vir a suixa pais onde vivo atualmente… mas falando de portugal… bem everdade durante o verao a noite vem muito tarde mas no inverno as cinco ja e escuro… o nosso dia no verao e grande mas nos gostamos… podemos estar mais tempo na praia… nos barzinhos… como sabe aqui de inverno nao se pode fazer paraia pois e muito frio… et optimo que a noite venha tarde… quanto ao custo das bebidas e normal… os ordenados minimos tambem sao maiores que no brasil… logo tem de pagar mais e 4,30 nem e muito por um bacardi… rsrssss… aqui onde estou paga uns 12 euros… rsrssss… mas o ordenado minimo e muito maior… lol
    quanto as discutecas… isso e veradde… pois nos justamos de ir primeiro a bares e so depois e que vamos pas discos para danxar… e assim que funciona… primeiro um barzinho… depois a disco ou entao… tambem muito comum primeiro um cineminha, e depois a disco!!! nos estamos habituados… e gostamos…

    beijo gostei das suas observaxoes


  47. http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL1221997-5602,00-IMAGEM+DA+MULHER+BRASILEIRA+EM+PORTUGAL+VIRA+TEMA+DE+ESTUDO+DE+ARTISTA+PAUL.html

    Quanto a Portugal, gostaria que você desse uma lida neste link.

    Abraços.


  48. MAS PORTUGUÊS É MUITO BURRO !

    FALAM COM LINGUIÇA NA BOCAAA ,

    PELA HISTÓRIA !


  49. “Não fique colocando sempre o pronome depois do verbo, achando que é mais chique, elegante, ou parece mais culto.”
    “‘Não espante-se…’

    ——————————————

    Isso incomoda-te?”

    Na verdade Felipe, no caso do ‘não espante-se’, o correto seria ‘não se espante’, porque a palavra negativa ‘não’ atrai o pronome. Desculpa ser chato, mas eu só queria dar um toque.


  50. Essas caracteristicas de Portugal nem são as piores, relativamente á afirmação “oito da tarde” é natural ter ficado surpreendido, aqui temos um pôr-do-sol muito bonito e no Brasil pelas 18h já está noite cerrada. Que discoteca é que visitou? Aqui é óbvio que tudo é mais caro, por causa do euro, apesar do real estar a ganhar força, porque da última vez que aí estive.. Estava tudo muito caro em relação a anos anteriores . Imagino a dor de ouvido que se ganha quando convertemos o real a euro.. Quanto a futebol somos um pouco menos emotivos muito porque, aos meus olhos, os nossos comentadores são umas “bruxas” que não separam o seu clube da vida profissional (em que não trabalham para apoiar nenhuma equipa num relato), eu pelo menos tiro sempre o som da tv. Quanto a técnicas-emigrantes… QUERIA O QUÊ? Portugal está cheio de emigrantes, só a Costa da Caparica tem mais brasileiros que portugueses.. Desconhecia isso de pagar ida e volta, sobre a Alemanha tenho a dizer-lhe que é um óptimo pais, um pouco frio, existe simpatia q.b. e um pouco de racismo, enfim.. os dois últimos aspectos podemos encontrar em qualquer lugar.. se não tivermos sorte!!


  51. Nós já tivemos bons comentadores Filipe, agora são murchinhos mesmo! não sei porquê… mas os da rádio ainda se safam =)


  52. desculpa comentar, sou português e não sei se já alguém disse nos comentários a cima, mas quanto aos relatos de futebol isso só se passa em jogos transmitidos em alguns canais de televisão em que é mesmo mau ouvir… então quando não é Portugal, ou o clube do narrador, é mesmo muito triste de se ouvir. Normalmente quem gosta dum relato tipo os do Galvao Bueno baixa o volume da televisão e liga o radio e ai sim tem relatos de jeito.

    Quanto as bebidas isso depende da cidade onde foi, e em algumas cidades depende da zona. posso dizer q no Norte de Portugal(a parte mais bonita de Portugal) é um pouco mais barato



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: