h1

Quando o apito torna-se o personagem principal

23 de agosto de 2009

juiz

Não é novidade pra ninguém que sou um grande entusiasta do futebol. Vibro, sofro, grito, choro, dou pontapés e risadas por esse espetáculo que, assumo, não passa de uma grande bobagem, mas a melhor dentre todas as bobagens. Cresci assim e, diferentemente da religião, não consegui me desgarrar. Hoje sou um alucinado apaixonado, mas revoltado com o objeto que se torna o personagem principal em muitas exibições: O apito!

A situação da arbitragem brasileira é lastimável, podre, torpe, possivelmente corrupta e suja. Não há quem se salve, todos, de forma generalizada, são ruins. O parâmetro não existe mais para “juiz bom”, apenas para “juiz ruim que hoje não errou”. A cada rodada do Campeonato Brasileiro ficamos estarrecidos com tantos absurdos. Vejam bem, não acompanho futebol internacional, portanto não posso dizer como andam as coisas por lá, mas sei que aqui, no meu país, a situação já ultrapassou há muito tempo o limite do aceitável.

Basta pararmos para pensar por 5 minutos e podemos lembrar de campeonatos inteiros vencidos pela arbitragem, como o Brasileiro de 2005, quando todos que acompanham o esporte podem se lembrar claramente do pênalti não marcado em Tinga, ainda resultando na expulsão do jogador. O Corinthians consagrou-se campeão exatamente por conta daqueles pontos arrancados de forma ilícita do Internacional de Porto Alegre. Podemos lembrar da Libertadores de 1981, quando o Flamengo foi campeão após um dos maiores escândalos de arbitragem da HISTÓRIA DO PLANETA, no episódio em que José Roberto Wright expulsou quase o time inteiro do Atlético Mineiro quando o jogo estava 1×0 para o adversário. O jogo teve de ser paralisado e o Flamengo venceu no tribunal. Wright hoje é comentarista de arbitragem na Rede Globo.

Poderia ficar horas lembrando de escândalos absurdos do futebol, mas o que me pergunto é: POR QUE NADA ACONTECE?

juiz1

Podemos levantar suspeitas em teorias da conspiração, mas nada pode ser provado. Eu simplesmente não consigo acreditar que a situação não mude por conta da preguiça, há de ter algum esquema muito grande por trás de toda essa manipulação de resultados. Sim! Manipulação de resultados, isso é notório, pois quem assiste vários jogos de times diferentes sabe que é impossível aceitar determinados erros tão bizonhos de arbitragem que sequer uma velha de noventa e sete anos cometeria. É falta inexistente marcada próxima à área, pênalti completamente inventado, impedimento mal marcado anulando gol certo e até um golzinho de mão ignorado.

Estamos em pleno Século XXI, com a tecnologia inventando coisas magníficas a cada dia, mas somos obrigados a engolir declarações estúpidas de representantes da FIFA, como: “não queremos tecnologia no futebol, isso estragaria o brilho do esporte. O futebol precisa dos erros”. Nojo, repulsa, asco. Que tipo de pensamento medieval é este, que consolida os erros e os trata como “partes necessárias do esporte”?

Será que não passa pela cabeça desses senhores que a utilização de ajuda ao árbitro, através de repetições televisivas em alguma cabine, poderia acabar com praticamente todos os erros? Será que o futebol é tão glorioso assim que não pode se submeter à JUSTIÇA nos resultados? Há de sempre ser uma combinação de competência com sorte de não pegar um árbitro ladrão e/ou ruim?

Não sei até quando perdurará essa fumaça escura que destrói o brilho do esporte, mas sei que a cada dia ela afasta ainda mais os torcedores de suas paixões.

http://www.youtube.com/v/MK7NYLaOnvc&hl=pt-br&fs=1

Anúncios

134 comentários

  1. Felizes são os times paulistas e os que detém grande influência na CBF…


  2. Realmente a situação é ridícula, mas vai se resolver apenas quando a corrupção no Brasil diminuir em pelo menos 8716514541867%.


    • Eu ainda acredito que seja possível resolver utilizando a tecnologia. Há gente de bem lá dentro tentando, mas esbarram nos corruptos.


  3. É verdade, a situação está lamentável

    Eu, colorado, me lembro bem do assalto de 2005, meu Deus, é impossível não perceber tamanha manipulação de resultados, e o pior, sempre favorecendo os mesmos times.

    Não vou citar os times aqui, mas todos sabem de quais eu falo.

    Abs, e continue com seus ótimos textos


  4. Falou o Botafoguense que se deu muito bem com os erros absurdos de arbitragem do juíz, que garantiram um ponto ao seu timeco. Ponto esse que deveria ser do Corinthians, mas não um ponto, mas sim três. Porque o senhor não comenta do gol feito com a mão do jogador do seu time. Mais um texto ridículo do pseudo-intelectual Felipe Neto, que não cansa de beirar o ridículo, tentando escrever bonitinho.


    • Hahahahahahaha

      HAHAHAHAHAHAHAHHA

      HAHAHAHAHAHAHHAHAHAHA

      Todos os veículos de comunicação mostrando os DOIS GOLS IRREGULARES do Corinthians e o cara diz que o Botafogo foi favorecido.

      Senhor, pelo amor de seu pai, dê um cérebro a esta acéfala criatura.


  5. Sempre irá haver erros de arbitragem! A tecnologia e a profissionalização dos árbritos no Brasil podem diminuir, e muito, a quantidade de erros, principalmente dos erros mais corriqueiros que sempre acontecem, e que muitas vezes podem comprometer o árbrito ou o andamento do jogo.


  6. A verdade é que o futebol é permeado de interesses, não apenas sentimentos. Instituições se degladiando e/ou conspirando unidas, através de brechas toscas da lei do futebol e da famigerada corrupção.

    É fato que não faltam falhas ou roubos, mas é certo também que os benefícios não estão sujeitos a uns quaisquer, mas sim ao ‘capital’, a quem tem $.


  7. Em jogos do INTER contra o Corinthians que são decisivos nem torço mais, sem contar que a maioria dos julgamentos do STJD beneficiam os times de São Paulo. É triste isso.

    Antes que eu me esqueça. O futebol brasileiro é uma merda.


  8. “Será que não passa pela cabeça desses senhores que a utilização de ajuda ao árbitro, através de repetições televisivas em alguma cabine, poderia acabar com praticamente todos os erros? Será que o futebol é tão glorioso assim que não pode se submeter à JUSTIÇA nos resultados? Há de sempre ser uma combinação de competência com sorte de não pegar um árbitro ladrão e/ou ruim?”

    Em relação aessa parte, os senhores da FIFA justificam que pelo fato do futebol ser o esporte mais popular do mundo, nem todos os torneios (países da África e Oriente Médio) teriam capacidade de ter aparelhos que ajudem os arbitros. Ridicula essa justificativa.


  9. Uma grande verdade. Não precisava nem texto para expor isso, todo mundo já sabe da arbitragem corrupta SIM do futebol brasileiro.

    Sou colorado e nem preciso expor minha revolta até hoje, com o campeonato brasileiro de 2005 né? Aquilo foi uma lástima, uma VERGONHA ao futebol e a arbitragem brasileira.
    Os maiores favorecidos são SEMPRE times de São Paulo e ninguém pode dizer ao contrário.

    Exemplo: Na final da CB desse ano, o cartola do Inter fez um vídeo alegando os erros de arbitragem que beneficiaram o Corinthians para ele chegar até a final da CB. Lá, em todos os jogos do “Timão” tinha pelo menos algum erro que fazia o jogo mudar de destino. No vídeo, mostra até mesmo a narração original de TODOS os jogos que houve erro de arbitragem para o Corinthians e os próprios narradores comentando: “Esse é o 4° pênalti para o Corinthians nessa CB, o 4° inexistente”. Crucificaram, xingaram o cartola colorado, dizendo que o vídeo era apelação. Agora, no último jogo do Corinthians contra o Inter pelo campeonato brasileiro, todo mundo viu o que deu: 2×1 pro Corinthians, com dois gols impedidos.

    Sei que o assunto não é quem é favorecido ou não, mesmo que esteja na cara, mas existe sim corrupção e MUITO dinheiro por trás de toda arbitragem brasileira. Vide 2005, como você mesmo citou: Disseram que não foi roubado e tal…mas um mês depois, veio a tona vários assessores do Corinthians presos e o árbitro da final saiu do quadro de arbitragem.

    Também digo que para melhorar, a tecnologia deveria entrar em cena…futebol é um esporte mundial, internacional, para depender apenas do “olhar” humano.
    Até quando iremos permitir que nossos times sejam roubados descaradamente em plenas finais de campeonatos?

    Obs: Sem contar o jogo do Botafogo contra o Corinthians hoje né? Outro exemplo…


    • É Gabriel, o problema é que é tanta gente cega que chega a ser cômico. Vide o cidadão ali em cima que teve a CARA DE PAU de dizer que o Corinthians foi prejudicado hoje.


  10. Não é de hoje que o Corinthians tá sendo ajudado. Só não vê quem não quer.
    Felipe, dê uma olhada no Blog do Mauro, ele faz toda rodada uma análise dos resultados sem as falhas e vê quem tá sendo prejudicado.
    E não é só em lances capitais não. Tem mto árbitro que intimida jogador, ameaça e o induz a tomar cartão, ou ser expulso.


  11. Nem li, mas tenho certeza que tu só está de mimimi por causa daquele seu timinho, o Botafogo, uhAUSHUAhsuHAUSHa.

    Tá, agora sério… eu li o texto sim. Concordo com a ideia da tecnologia, acompanho e gosto muito de futebol, assim como você não consegui me desgarrar dessa bobagem, apesar de ter tentado.

    O futebol não pode continuar tão arcaico, isso que tu disse de medieval lembrou de religião, apesar que fazer um paralelo entre os dois assuntos não cabem aqui.

    Isso aí, tirando o fato que tu escreveu isso por causa de um choro que foi gerado pelo roubo no jogo de hoje, bom artigo.

    Abraço.


  12. Felipe, o Corinthians foi prejudicado hoje sim. Quando tu ver os gols tu vai ver que o segundo gol do Botafogo foi de mão. E concordo com você em relação a arbritagem, sou torcedor do Sport e vejo, principalmente contra o meu time, erros absurdos, contra o Santo André, por exemplo, o Sport levou um gol aos 48 minutos do 2º tempo e o jogador do time paulista estava completamente impedido, tanto que o bandeirinha foi suspenso por três jogos. Essa roubalheira, infelizmente, não ocorre somente por aqui. Na Itália, nos anos 70 e 80, a Juventos foi campeã umas 13 vezes (não sei ao certo), e desses titulos quase todos foram manipulados pelos arbitros, so que como lá não é Brasil, a velha senhora perdeu todos os titulos, que depois recuperou no campo de forma justa.


    • Pietro, amigo, você não viu o jogo.

      O gol do Botafogo foi de mão, sendo que o segundo gol do Corinthians foi numa falta ABSURDA que não existiu e o juiz marou com má intenção. Em seguida, o terceiro gol foi num pênalti tão ridículo, mas tão ridículo, que eu fiquei rindo sozinho. O pênalti não existiu, a mídia inteira tá mostrando que os 2 gols do Corinthians foram irregulares e só 1 do Botafogo foi irregular.


  13. É Felipe, a coisa tá feia mesmo. Botafoguense que sou, tive que assistir meu time
    ser literalmente roubado nos últimos anos, sem poder fazer nada, já que nem criticar posso, pelo fato dessa imprensa nojenta do nosso país ter taxado todo
    Botafoguense de chorão. Só pelo fato de reclamar contra os erros que se repetem.
    Eu acho que vários Botafoguenses, estão se sentindo assim!


  14. e ainda teve um penalty em cima de victor simões q o juiz não marcou para o botachoro… sou flamenguista mas admito q o botachoro foi roubado hoje!


  15. Não entendi.

    Foi um post sobre a arbitragem brasileira [que tem muitos escândalos, como a compra de juízes no campeonado paulista] ou um post anti-corinthians mascarado?
    Não que eu defenda o Corinthians, mas tá parecendo.

    Se eu não estiver errado, você poderia falar direto sobre os erros que favoreceram o corinthians sem enrolar… Se estou errado, desculpa. *run to the hills*


    • @Valney:

      Foram apenas exemplos. Coincidentemente, quase todos a favor do Corinthians.


  16. Eu fico aqui pensando como essa tecnologia iria chegar nos gramados africanos ou até mesmo nos campeonatos estaduais ou de segunda divisão aqui no Brasil. Algumas tecnologias são bem-vindas, mas é preciso bom senso. É ridículo pensar em repetições televisivas em alguma cabine como regulamento oficial. Além disso, muitos lances, como o pênalti que você citou, são questões de INTERPRETAÇÃO. Se o árbitro foi justo ou não vai da percepção de cada um.


    • @Felipão:

      Não é ridículo imaginar, apenas você não consegue enxergar isso.

      Pode muito bem ser instaurado apenas em campeonatos de primeira divisão, torneios internacionais e copas do mundo. Ou você realmente tem o pensamento medieval de achar que o futebol NUNCA irá utilizar a tecnologia?

      A bola com chip já está para ser implantada. Dirá na hora se ela entrou ou não, se saiu ou não.


  17. Parou de responder comentários da maneira tradicional ?


    • @Victor:

      Achei mais interessante passar a responder assim 😉


  18. Vale lembrar que no caso de 2005, os envolvidos com a máfia do apito foram recentemente inocentados no tribunal…é uma vergonha…quando são descobertas as fraudes, a “justiça” brasileira deixa que os culpados saiam impunes.


  19. Tecnologia realmente ajudaria muito velho. No tênis existe isso, algumas vezes no vôlei, por que naõ pode ser no futebol?

    Mas as vezes existe uma certa injustiça velho, ver os comentaristas falando ”foi impedimento, estava UM BRAÇO na frente’. Ver isso após 10 replays, e dizer que o arbitro errou é um pouco disso.

    E acho que o corinthians nem precisa jogar mais, é só pedir um favorzinho pro árbitro que o título vem facinho, facinho..


  20. Mentira… ele só ta comentando assim agora porque aparece a fotinha dele no comentário… Narcisismo é foda =P


  21. Ah, você super lembra da Libertadores 81 né?

    E o Brasileiro de 95, como fica? Muito mais roubado que o de 2005. A título de lembrança, apitado pelo mesmo árbitro que não deu o pênalti do Fábio Costa no Tinga.


    • @mary:

      Típica afirmação de quem não estuda a fundo o futebol. Essa arrotada ignorante de que o título de 95 foi roubado não passa de desinformação, vamos somar os erros?

      Segunda partida da FINAL:
      1- Gol do Tulio (Botafogo) impedido.
      2- Gol do Santos ilegal após o atacante conduzir a bola com a mão direita.
      3- Gol mal anulado do Santos, em lance que 4 santistas apareceram SOZINHOS dentro da área e todo bandeirinha marca impedimento.

      Logo, temos 2 erros a favor do Botafogo e 1 erro a favor do Santos. Mesmo vendo que o erro crucial (gol mal anulado) foi em lance milimétrico que TODO BANDEIRINHA MARCA, aqui está o que todo mundo esquece, que aconteceu na PRIMEIRA PARTIDA da final:

      Compare os dois erros. Enquanto contra o Santos o erro foi num impedimento milimétrico em que 4 jogadores apareceram sozinhos dentro da área depois da cobrança da falta… Contra o Botafogo foi uma VISÍVEL vantagem não dada, que teria consolidado mais um gol para o alvinegro carioca.

      Então, da próxima vez em que for falar sobre algum caso futebolístico, estude sobre ele.


  22. bota no DVD o que voce nao gostou
    quem sabe da em alguma coisa… ou nao


  23. Alguém torce pro Botafogo aqui né? Hahaha. Típica resposta de torcedor frustrado. Pergunte a qualquer um que entende de futebol e a resposta será que o Santos deveria ter sido campeão.

    Aliás, no outro dia (se não me engano 18/12/95) a capa do Lance era a seguinte: SANTOS ROUBADO, assim com letras garrafais.

    Mas pode ficar com o título de 95. Se o tirarmos não vai sobrar muita coisa mesmo..


    • Que feio, Mary, respondendo de forma tão passional e sem argumento ALGUM sobre o jogo.

      Meus argumentos estão na mesa, agora rebata-os. Se puder. Se não puder, cale-se e aceite o owned.


  24. E outra coisa Mary, acredito que você não seja TÃO ignorante quanto aparenta ser (embora não colocaria minha mão no fogo, afinal, você tem a inicial do seu namorado tatuada no corpo)… Mas enfim, acredito que você não tenha falado sério quando disse: “você super se lembra da libertadores de 81, né?”, pois se para alguma coisa servisse seu comentário fraco, jamais poderíamos comentar qualquer evento histórico no planeta. Afinal, não vivemos à época.

    Sugestão: Livre-se das influências ignorantes e passe a ler um pouco mais. Se quiser, disponibilizo meu MSN para te dar algumas dicas.


  25. KKKKKKKKKKKKKKK…

    Chororo parte X

    rsrsrsrsrs…

    Assume de vez que esse post foi por causa do seu ridiculo Botafogo.
    Engraçado, os Botafoguenses nao lembram do roubo contra o Atletico-MG na Copa do Brasil, isso n lembram mesmo.


    • @Júlio

      O post REALMENTE não foi para falar DO Botafogo, tanto que o time não é citado absolutamente nenhuma vez no texto. Foi para falar da situação da arbitragem brasileira. Sim, eu me inspirei depois dos absurdos acontecidos no jogo entre Botafogo e Corinthians, mas não foi isso que coloquei em questão acima.

      Se você acha que a situação da arbitragem está boa, bem, aí realmente não tenho nada a dizer.


  26. Uma pena, eu já acredito que você deva ser mais ignorante do que aparenta ser.

    Voltando ao futebol: não é correto falar que o Flamengo ganhou a Libertadores por causa do jogo contra o Atlético já que esse jogo foi na fase classificatória. E não me mande videozinho do YouTube, eu assisti ao vivo. No primeiro jogo, o juiz marca falta. Pode interpretar como erro, que devia ter dado vantagem, mas mesmo nesse caso foi um erro isolado. O segundo jogo foi manipulado, e por um árbitro cujo caráter conhecemos muito bem.

    Ah! O nome do meu namorado começa com M também 😉


    • @mary:

      Não, você não acha que eu sou mais ignorante do que aparento ser e a prova disso está que você não perde um texto do blog. Não tente mascarar sua paixão platônica por mim, está visível 😀 (relaxa, isso foi brincadeira – é bom explicar, porque mentes não muito evoluídas tendem a levar as coisas por outros caminhos).

      Enfim, eu PROVEI pra você que o número de erros foi igual para ambos os lados. Você não conseguiu rebater. Dou-me por satisfeito.

      Boa noite e beijo na bochecha.


  27. Número de erros não dizem nada. Como sabemos, o mundo não é justo, muito menos o futebol, que está suscetível a erros, apitado que é por humanos.

    Faz parte do jogo. Aplicar tecnologia acabaria com essa malandragem do futebol. Vale mencionar a memorável cotovelada de Pelé no zagueiro uruguaio na Copa de (se não me engano) 70. O juiz marcou falta pro Brasil e expulsou o defensor. Mas essa já é outra discussão.

    Já que você se sentiu à vontade para me dar sugestões, vou fazer o mesmo: seja mais educado. Parece que você se julga melhor que os outros e os trata mal/diminue. Bem, tratar os outros mal por isso não o faz melhor que ninguém…


    • Mary, eu tenho a tendência a tratar mal quem já me visita dando coices, que foi o que você fez. Chegou até o blog influenciada por twittadas a meu respeito que NÃO refletiam a verdade, no post de Brüno. Você utilizou essa influência e criou um conceito meu que passa muito longe do que realmente sou. E não digo que sou melhor, pior, mais inteligente ou menos inteligente, mas não sou essa pessoa que você colocou em sua mente.

      Porém, você nunca se deu a oportunidade de conhecer outro Felipe Neto que não fosse aquele inspirado pelo rapaz que, por um motivo místico e que faz dele motivo de piadas, simplesmente ME ODEIA. O mesmo rapaz perde tempo escrevendo TEXTOS a meu respeito, será que isso não lhe diz nada?

      Espero que um dia eu e você possamos conversar amigavelmente, para que você possa compreender quem eu, de fato, sou. Além do que realmente penso e quais são meus propósitos com meus textos.

      Beijos sinceros, dessa vez.


  28. É SEMPRE PRO CORINTHIANS!!! Semi-final da copa do brasil, um penalti na CARA DURA pro vasco e o juizão não marcou!! tiro meu vascão da copa do brasil sendo robado na cara dura!! isso tem que ter fim!


  29. Não precisa ser colorado ou botafoguense pra ficar p… com a arbitragem. Quem acha que o Felipe só fala isso por conta do jogo de ontem é um jegue e só entende de Vôlei!

    Se tivesse Cara de Pau do ano no Ibest eu votava no comentário do Corinthiano lá em cima que teve a coragem de dizer que o Corinthians foi prejudicado…

    Absurdo!


  30. A despeito da discussão sobre quem é campeão de que, só penso que algumas tecnologias são realmente necessárias. Mas e em casos de impedimentos? Vamos colocar chipes nos jogadores para que não haja erro quando estão 1cm impedidos? Mas não no sentido de mostrar parao juiz que ele está errado. O juiz é a autoridade no campo e por mais que você julgue que ele está errado é ele quem assopra o apito e, sinceramente, dane-se. Pode até ser que eu, você todos n´so fiquemos indignados vendo pela TV, que mostra em 87 câmeras diferentes se foi ou não impedimento, falta, penalti etc. Mas o árbitro tem ali no momento para decidir e ele vai marcar o que achar mais justo, porque vocês acham que sempre nos empurrões de espera de escanteio eles marcam falta de ataque?
    Se há corrupção ou não, e há, sabemos disso, é outro departamento. O que não se pode é crucificar alguém (que talvez nem está num bom dia) que também é um ser humano e passível de erros. Se quisermos 100% de acerto podíamos colocar um robô pra apitar essa bagaça, aí colocaríamos chips em todos os participantes do jogo.
    O futebol é um esporte diferenciado. Não tem tantas alternativas de mudança, venhamos e convenhamos. Não dá para mudar de jogador o tempo todo, não tem 2 ou equipes como no futebol americano e cada gol (por mais bonito, distante ou de penalti que seja) só valerá um, nada mais, nada menos.
    Não que seja a polêmica que move o futebol, mas certas decisões ali no campo são tomadas por um homem que tem um ponto de vista diferente do meu, do seu, do gandula, do cara da geral ou das cadeiras.


    • @João Carlos:

      De fato, a questão do impedimento seria complicada, mas eu tenho uma solução. Gol anulado? Pede pausa de 1 minutinho e recebe a ordem do membro do lado de fora que, através da técnica dos replays, poderá informar ao árbitro para validar ou realmente anular o gol.

      Pronto. Simples. Um problema resolvido.


  31. Que stress… hahaha

    Seu time deve ter perdido ontem… haha


  32. Eu já perdi a paciência com a arbitragem,cheguei a três conclusões do que vou fazer a partir de agora
    1-Dou de Chuck norris e saiu a caça de todos os árbitros que já prejudicaram o meu time
    2-Paro de assistir futebol
    3-Finjo que e tudo fruto da minha imaginação


  33. Entre tapas beijos..

    Essas discussões sobre futebol são ótimas! “pq em mil novecentos e la vai bolinha bla bla bla..” Eu gosto, mas não assim.. Até discuto o ultimo jogo, mas esse negocio de 20 anos atrás é demais pra mim.

    Mas Felipe!! Tanta indignação porque já está contando com a queda do Botafogo? Calma que não é o fim do mundo.. Você sobrevive e talvez ele suba ano que vem..

    Não vi o jogo, ouvi que teve muito erro, para os 2 lados.. O que eu acho errado é, por exemplo, o juiz errar aqui e compensar ali.. ai fica nesse negocio, tentando compensar e só fode mais o jogo.

    Mas não precisa chorar por isso..


    • @Mariana:

      Desculpe, eu não me lembro de ter citado o Botafogo no post.


  34. Realmente, o futebol brasileiro esta fadado a falência. Temos a sorte de ser uma mina de craques, se não fosse isso já estariamos falidos e seriamos de fato o país do voley.
    Mas o problema do futebol vai mt alem do apito, ao meu ver, em uma teoria meio louca e conspiratoria que criei em minha mente, acho que a imensa e esmagadora maioria dos times da federação estão aceitando essas influencias. Não consigo aceitar que todos os dirigentes vejam isso e aceitem de bom grado. O São paulo sendo seguidamente favorecido pelos ultimos 3 anos é algo muito suspeito, mais suspeito ainda é ninguem que realmente foi prejudicado reclamar disso, ninguem de peso nas federações. Mas minha teoria é a seguinte: Como o futebol brasileiro sempre foi muito equilibrado, nunca tivemos grandes equipes como um chamariz internacional, o flamengo internacionalmente é muito mais conhecido como o clube do zico, o botafogo como o time do garrincha e o santos como o clube do pelé. Na europa e na nossa vizinha argentina, temos grandes clubes que chamam muito patrocinio para o campeonato e para as televisões.
    O dinheiro pago pelas televisões para trasmitir o campeonato inglês é astronomico, mas o campeonato inglês se resume a 4 times. O mesmo acontece no espanhol, se resumindo nesse caso a duas equipes. E na italia a mesma coisa, no caso dos nossos hermanos temos o Boca Jr e River, boca Jr esse que teve o La Bombonera eleito por uma grande revista europeia como um dos 10 melhores estadios do mundo, so pode ser piada, aquela pocilga sem nenhuma estrutura para os torcedores estar entre os 10 melhores estadios. Acho que o futebol brasileiro esta criando grandes clubes, clubes mega campeões, e está usando o São Paulo e agora o Corinthians para tal, já que a malicia paulista é bem mais rentável do que o amadorismo e coronelismo do futebol carioca… Bom, num sei se fez algum sentido para quem está lendo, mas é mais ou menos isso que eu acho.


  35. O texto é sim necessário e verdadeiro
    mas é um desabafo obvio, pois escândalos arbitrários vemos toda rodada ,mas esse texto só surge após foguete ser mal tratado.
    reiterando o texto é pertinente, mas confesse que é passional e pró-fogo.
    abraço.


  36. @vitor o felipe passou a responder as pessoas pelos comentários pq, os numeros dele tão magros, e sabe como é, “celebridade” de esgoto é assim qto mais melhor 😉

    @comentário 40 heauheauheauh eu ri!

    Todo mundo que entra nessa budega e não gosta do que vc escreve é tratado mal, vou adorar ver esse livro sair, viu, imagina os chiliques que vão rolar a cada critica, vai ser bom de mais 😉

    ———————————-

    Números magros?

    É pra rir ou pra chorar?


  37. Bom, eu não sou (não sou mesmo!) uma boa pessoa pra falar de futebol, mas pelo menos posso comentar um ponto que você destacou: a corrupção na arbitragem.

    Um dia desses estava lendo sobre a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo de arquivar o caso da “máfia do apito” em virtude de não haver, na esfera criminal, uma lei específica sobre juízes de futebol manipuladores de resultados e justamente por isso, por não saber onde enquadrar a máfia, o caso foi arquivado. Foi dito que na denúncia no Ministério Público constava crime de estelionato, mas que os árbitros só poderiam ser julgados por tal crime se eles tivessem recebido dinheiro pra apitar o jogo e não o fizessem, mas como eles prestaram o serviço, mesmo que de forma irregular, o caso não se enquadrava em crime de estelionato. E sobre haver prejuízo aos clubes, os desembargadores disseram que como as partidas “fabricadas” tinham sido remarcadas, não houve perda de patrimônio. E sobre o torcedor… Bem, foi dito que este viu o jogo que pagou pra ver. Apesar disso, os desembargadores disseram que os acusados ainda podem responder na esfera federal por delitos como lavagem de dinheiro e sonegação fiscal, por exemplo. Mas mesmo assim fica a dúvida se decisões como esta podem fazer com que árbitros já não tão honestos se sintam mais encorajados para “driblar” a autenticidade de uma partida, né não?

    Então quando você diz que “há de ter algum esquema muito grande por trás de toda essa manipulação de resultados”, já dá pra ter uma noção a partir dessa história toda. Se já ocorreu antes, por que não poderia ocorrer de novo? Ainda mais com a ausência de uma legislação específica. É o que acontece quando se mexe com qualquer tipo de poder. Veja a política, a falsa imagem de que os políticos governam PARA o povo. É só fazer uma analogia: o futebol também é PARA os torcedores ou virou uma maneira de lucrar através destes?

    “Vejam bem, não acompanho futebol internacional, portanto não posso dizer como andam as coisas por lá.”

    Depois que o futebol se tornou uma indústria, deve ter virado moda…

    http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Interior.aspx?content_id=494116

    http://dn.sapo.pt/especiais/interior.aspx?content_id=1008710&especial=Apito%20Dourado&seccao=DESPORTO

    http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,dois-arbitros-poloneses-sao-detidos-por-suspeita-de-corrupcao,409641,0.htm


  38. Concordo…… Não se ve esse tipo de coisa em uma Premier league! que por sinal é muito mais emocionante ultimamente assister justamente por causa disso!

    E sou Cruzeirence antes que falem algo, sim nós times mineiros somos roubados a todo momento.


  39. o Futebol brasileiro é uma vergonha! Não só pelos erros infantis dos árbitros ou da falta de profissionalismo dos mesmos, mas também pela complacência das emissoras de televisão. sabe-se lá o motivo, razão ou circunstância que esses senhores são admitidos para comentar arbitragem. Vide o maior ladrão da história, o José Roberto Wright, que comenta na Globo, o Marcio Rezende de Freitas (o q roubou o inter contra o corinthians) comenta na Globo minas, o Arnaldo César Coelho e o maluco do Godoy na band

    O próximo contratado com certeza será o senhor Simon que além de não ter dado o penalti mais claro do mundo nas quartas de finais da copa do brasil ( botafogo x atlético) deu um de forma no mínimo curiosa, acho que em um jogo em Fortaleza. Queria ver se fosse contra um time do eixo do mal RJ_SP


  40. Cara multiplique isso a enesima potencia quando for pensar fora de Rio-São Paulo! Sou Atleticano e vejo o Galo sendo prejudicado há anos e quando existiu alguém dentro do clube q


  41. Libertadores 2006. Internacional vs. Nacional. 2 gols bizonhamente mal-anulados fazem o Colorado passar para as Quartas de final. Isso os Srs. podiam comentar, também.
    Sou Corintiano, Felipe, e ontem – ao meu ver – a falta no Jucilei é tão duvidosa quanto a falta que gerou o 3º gol, contabilizando, então, 2 erros para cada lado. Acompanho seu blog há um bom tempo e sou admirador de seus textos; torço para que você não esteja sendo clubista, porque isso é lamentável. O Corinthians é, sim, favorecido em alguns jogos, assim como outros clubes. Assim como o Inter, que teve 2 gols impedidos, legitimados… Empate em 2×2.
    Sou a favor, também, da tecnologia no futebol. Usada de maneira concisa e inteligente, tornaria tudo muito melhor.

    Um abraço.


    • Desculpe, @Luke, mas absolutamente NINGUÉM, tirando os corinthians, questionou a falta no Reinaldo que originou o terceiro gol do Botafogo. Entretanto, não há ninguém para dizer que houve falta no Jucilei.

      Mas enfim, let’s forget about it.


  42. Eu não entendo absolutamente nada de futebol. Nada mesmo; a unica coisa que sei é que a bola precisa entrar no gol.

    Mas o que me chamou a atenção no seu comentário 22 foi a idéia do “CHIP NA BOLA”. Tão querendo colocar chip na bola pra saber se entrou ou não? Eu ri dessa idéia 🙂

    Se assim for, logo mais vão fazer o jogadores andarem com algum dispositivo eletronico para calcularem matematicamente as probabilidades de chute antes do gol. Ou melhor, cada torcedor terá um console que comandará os jogadores – igual a um jogo de video-game. Já pensou que maravilha….

    VIVA O FUTEBOL….O ESPORTE MAIS INSENSATO QUE EU CONHEÇO….DEPOIS DO POLO.


  43. Campeonato brasileiro é comprado, quem paga mais leva, simples assim. Bom de disputar é libertadores e copa sulamericana, o que me sinto menos mal.


  44. Oi, passei pra conhecer seu blog, e desejar boa semana.
    bjs

    aguardo sua visita 🙂


  45. Eu acho que o Felipe começou a responder assim só pra aumentar o número de comentários, até porque isso é comum nos outros blogs em que não tem essa opção de resposta que ele tem.

    Não acho que seja a foto, ele já tem duas estampadas lá em cima, sem falar na descrição, lá não há como negar seu narcisísmo. haHHAhahAHa

    Boa sorte com a Mary. xD

    ————————–

    Você realmente acha que preciso aumentar o número de comentários do CR?


  46. Felipe, cuidado!
    Teu blog tá pareçendo o programa da Márcia Goldsmith!


  47. Foi uma brincadeira, será que eu sempre tenho que mandar risadas ou deixar escrito isso?


    • @Daru, entenda meu lado… Com a quantidade de pedradas que recebo, fica difícil diferenciar o sarcasmo ;).


  48. Felipe

    Primeira vez que comento no seu blog. Já o conhecia, mas não havia comentado antes.

    Achei seu texto muito bem colocado. Realmente, a arbitragem ficar engessada no tempo, sem ajuda eletrônica, é medieval. Eu não teria definido melhor. Parabéns!

    Agora, lendo os comentários, vejo que um dos assuntos abordados aqui foi a final do Brasileiro de 95, Santos e Botafogo.

    Antes, quero deixar claro que não torço para nenhum dos dois times. Mas discordo do que você apontou.

    Realmente, existiram erros nos dois jogos, tanto naquele apitado pelo Sidrack, quanto no apitado pelo Márcio Rezende e que comprometeram o campeonato como um todo.

    Mas acho que você simplesmente contar os erros e ver qual time foi menos prejudicado não resolve a equação. É preciso dois pesos e duas medidas. Ou um banco que é roubado 6 vezes em R$ 100,00 é mais prejudicado que um que foi assaltado uma vez em R$ 100 mil reais, apenas pq sofreu mais assaltos?

    Não. No futebol, existe dois erros do árbitro: erro de fato e erro de direito.Sei que O felipe, você como conhecedor do tema, deve estar familiarizado com as expressões, mas, para quem não é, explico: “erro de fato” é aplicar a regra de forma errônea; “erro de direito” está ligado à interpretação do lance.

    O lance do Sidrack Marinho, por exemplo, é um erro de direito. O juiz interpretou que aquilo não foi vantagem, e isso está no direito dele. Vantagem é algo que se interpreta, diferente de um impedimento, que é algo factual e fixo. Ou seja, cabe ao árbitro escolher se ele dá a lei da vantagem ou não – e, mesmo fazendo a pior escolha possível, isso não caracteriza erro de arbitragem.

    Além disso, você aumenta o “erro” (aspas bem grandes) do Sidrack com a frase “…uma VISÍVEL vantagem não dada, que teria consolidado mais um gol para o alvinegro carioca”. Bem, você não sabe isso. O lance foi interrompido por algo que, como disse, não é um erro de arbitragem.

    As chances do gol acontecer podem ser altíssimas, mas você, como formador de opinião, não pode simplesmente dizer “que o lance teria consolidado mais um gol”, pois você não tem como adivinhar o que teria acontecido. “Ah, o Túlio estava em grande fase e ia entrar sozinho na área?” Sim, mas o Túlio estar em grande fase e entrar sozinho na área não é um gol.

    Além disso, assisti ao vídeo que você linkou, com esse lance, e algo me chamou a atenção. Algo que não foi colocado aqui: após a marcação da falta no Sérgio Manuel, o lance é interrompido e o Túlio, segundos depois, chuta a bola para o gol. Isso é contra a regras e deve ser punido com cartão amarelo, coisa que não aconteceu.

    Logo, o erro para o Botafogo no primeiro jogo, que você apontou, não é um propriamente um erro; não necessariamente teria resultado em gol; e, no seu desenrolar, prejudicou, também, o Santos.

    Posto isso, parabéns pelo título.

    Abraços


    • @Rob Gordon:

      Desculpe, mas discordo do que você falou. Não tecnicamente, pois está certo, mas na prática. É claro que o lance do Tulio não é FATO que seria gol, mas podemos dizer que as chances do maior artilheiro do Brasil e o melhor jogador do ano perder um gol onde a única dificuldade seria empurrar para as redes tirando do goleiro é realmente muito remota. Estamos falando do Tulio. Mesmo assim, concordo que NÃO ERA GOL, era só uma chance claríssima e praticamente um gol. Como um pênalti, porém ainda mais fácil de marcar.

      A interpretação que você citou não existe no lance do Tulio. A regra é clara: em lance de vantagem para o lado que sofreu a falta, a jogada deve ser continuada. Não é questão de ACHAR que não deve dar vantagem. É dar e acabou, não é questão de interpretação, é fato. O erro aconteceu, como pode ser observado no próprio Galvão Bueno ao narrar o lance e os comentários do Arnaldo em seguida (se eu não me engano, não tem nesse vídeo, só no jogo inteiro). O Arnaldo deixa claro que o erro prejudicou o Botafogo em um lance capital de gol, no que concordo integralmente. Agora, sobre o cartão amarelo, é simples: o juiz viu que tinha feito uma cagada gigantesca, viu o quanto tinha prejudicado o Botafogo e sentiu-se relutante a dar um amarelo para o Tulio depois de ainda ter feito o que fez. Compreensível, após tamanha burrada.

      Agora, o lance do Santos.

      Você falou sobre “diferença de erros” e agora eu vou dar outra perspectiva.
      Um árbitro não aplicar uma vantagem é um erro grave, pois ele TEM A OBRIGAÇÃO de ver se a jogada terá continuidade e TEM A OBRIGAÇÃO de deixá-la seguir caso o time se beneficie. Seu erro foi em uma jogada simples, que as chances de acertar são imensas. Mas o que podemos dizer quanto ao lance do Santos?
      Na jogada, há uma cobrança de falta próxima da entrada da área. A bola é alçada e, em seguida, Camanducaia aparece sozinho, absolutamente sozinho, dentro da pequena área, cabeceando para o gol. O bandeirinha marca impedimento erradamente e, em seguida, com o máximo do recurso televisivo, é possível perceber que, na FRAÇÃO DE SEGUNDO que a cobrança de falta é feita, Camanducaia estava 55 centímetros em posição legal. Seria esse um erro ABSURDO e MUITO FÁCIL DE PERCEBER? Não.

      Logo, por isso, discordo quando você diz que o Santos foi o mais prejudicado. Vejo igualdade nos erros e, se for para calcular a má intenção dos árbitros, daria ainda mais prejuízo ao Botafogo.


  49. Muito bom o texto. Para mim, isso é um reflexo da degeneração social criada pelos conceitos superficiais e fracos, tão ovacionados hoje em dia.


  50. Concordo com o texto, porém acho que não há favorecimento à um determinado time.
    Veja bem, torço para o São Paulo, logo não teria motivos para defender o Corinthians, os erros de ontem foram claros e em 2005 houve uma das maiores roubalheiras da história do futebol, mas eu vejo tantos erros à favor e contra tantos times que não consigo enxergar um time específico favorecido.

    Por exemplo, como disseram acima, o Corinthians foi favorecido na final Copa do Brasil contra o Internacional, porém, o mesmo Internacional foi claramente favorecido contra o São Paulo pelo Campeonato Brasileiro esse ano.

    Não quero defender o São Paulo nem nada, pois a meu ver, o São Paulo é “beneficiado” em vários jogos.

    Na minha opinião, a cartolagem não defende time A ou time B. Das duas, uma:
    Ou eles fazem algum esquema em que manipulam jogos escolhidos a dedo, ou a qualidade da arbitragem está completamente deteriorada.

    Sou completamente a favor da modernização do futebol, algumas regras são arcaicas e hoje não fazem o menor sentido com as tecnologias existentes.

    Esse papo de “Futebol precisa de erros” é balela. Sem os erros, poderíamos comentar as belas jogadas e gols, mas acho que com a decadência da qualidade do futebol dominado por empresários, é mais fácil manter do jeito que está para que outros problemas não venham à tona.


    • @Alexandre:

      Gostei de você ter assumido que o São Paulo é “beneficiado” em vários jogos. De fato o é, na verdade, os times paulistas o são, em LARGA escala. Muito mais que qualquer outro. No Rio, é visível a tendência da arbitragem em favorecer o Flamengo e prejudicar o Botafogo.


  51. Porque será que todos os Corinthianos se exaltam quando o assunto é a arbitragem brasileira?


  52. Não posso te dizer com números se os times paulistas são mais ou menos beneficiados, mas é provável que sejam mais, principalmente jogando em São Paulo. Faço apenas uma ressalva quando os paulistas (excessão ao Corinthians) jogam no Rio Grande do Sul. Somos sempre roubados descaradamente lá. hehehe

    Acho que isso talvez deixe você um pouco “magoado” e talvez fuja um pouco do assunto, mas o futebol do Rio perdeu muito sua qualidade ao longo dos ultimos anos, e talvez isso dê a impressão dos outros times serem beneficiados. Digo isso, pois quando o São Paulo estava em crise (final dos anos 90) dava a impressão de que todos estavam contra.

    Abraço


  53. Felipe,

    Obrigado pela resposta.

    Mas eu ainda estou vendo a coisa de forma diferente de você. Não sei apenas por gostar muito de futebol (tanto quanto você, aparentemente, o que torna a discussão excelente), mas pela forma que você está colocando alguns argumentos.

    Vamos lá:

    Eu concordo com você em relação ao fato de a regra ser clara: “em lance de vantagem para o lado que sofreu a falta, a jogada deve ser continuada”. Esta é a regra. Mas o que se chama “erro de direito”, está ligado à interpretação do LANCE (e não da regra, como você parece ter entendido, talvez por falha minha).

    Vou usar outro exemplo: um juiz afirmar que a bola não entrou quando ela entrou, é um “erro de fato” – ela entrou ou não, isso independe da interpretação dele. Agora, o juiz marcar um pênalti que não foi, é um erro de direito. Ele conhece a regra, mais que eu ou você, mas ele interpretou que aquele LANCE não foi pênalti.

    Claro que aí estou trabalhando num mundo perfeito, sem corrupção no futebol.

    Assim, a chamada “lei da vantagem” é aplicada junto à interpretação do juiz quanto a 1) ter sido falta ou não; 2) a continuidade do lance ter sido prejudicada ou não. Ele interpretou que a falta atrapalharia o lance, e a regra permite isso.

    Ele errou? Talvez, mas a regra permite esta interpretação.

    Quanto ao cartão amarelo, você afirma que “o juiz viu que tinha feito uma cagada gigantesca (…) e sentiu-se relutante a dar um amarelo para o Tulio.”

    Bom isso parte do princípio que nós sabemos que O Sidrack pensou no momento (nós não sabemos) e que ele se convenceu de que havia errado (nós também não sabemos).

    Ou seja, isso acaba sendo uma suposição sua.

    E, cá entre nós, mesmo se sua suposição estiver correta (o que não podemos assumir, já que nem eu nem você somos o Sidrack), um erro não justificaria o outro. Ou seja, o único lance factual da jogada, aquele que não depende de interpretação alguma do árbitro, era a aplicação do cartão amarelo ao Túlio, que não aconteceu.

    Ou seja, os dois times foram prejudicados na jogada? Sim. Mas o único erro (e por erro entenda-se “aplicação totalmente errada da regra”) prejudicou o Santos.

    Acho que cabe dizer novamente aqui que não sou santista. 🙂

    Não entendi porque você trouxe o lance do gol do Camanducaia à tona. Mas achei legal você trazer os dois lados da moeda.

    Como você mesmo disse, 55 cm não é uma posição muito fácil de perceber.

    Mas o que estou tentando mostrar (e você me ajudou, ao trazer o gol do Santos) é que da mesma forma que não posso assumir o que o Sidrack pensou, não posso assumir o que o Márcio Rezende pensou. Mas, meu ponto é: independente do que ele pensou, a posição continua sendo legal (“erro de fato”, lembra?).

    55cm não aumentam ou diminuem de acordo com a interpretação de alguém. Eles continuam sendo sempre 55cm. O juiz ou os auxiliares não interpretam se o jogador está impedido. Ele está ou não – diferente de cometer uma falta ou não.

    Ou seja: erro de fato no lance do gol do Santos.

    Agora, como você mesmo disse, temos outras perspectivas.

    Você mencionou os comentários do Arnaldo sobre o lance do primeiro jogo, mas não fala nada sobre os comentários da arbitragem no lance do gol do Santos (2o jogo), soa meio tendencioso (sei que não foi sua intenção, apenas dando um toque).

    E, por fim, temos outyra maneira de ver o lance do gol do Santos. 55 cm… Bom, não estamos falando de 4 ou 5 cm, estamos falando de mais de meio metro.

    Respeito todos seus argumentos, não apenas em forma como em conteúdo, mas continuo achando que o grande prejudicado foi o Santos.

    Porque não discordo de você a respeito do lance do primeiro jogo ter erros; o que discuto aqui é que o erro do Sidrack, em si, é discutível – a regra afirma isso. Já o lance do Márcio Rezende, não. É um erro.

    Grandes abraços!


    • Eu já tinha entendido tudo o que você apontou nessa nova resposta, Rob. A questão é que, sendo erro de fato ou de direito, o lance da falta impediu um provável gol e o lance do impedimento impediu um gol.

      Enfim, acho que já deu pra entender que nós pensamos de maneira diferente. Como eu disse, tecnicamente você está certo, mas na prática as coisas funcionam de outro modo. Um erro de direito pode ter a mesma influência que um erro de fato, como exemplo podemos citar o campeonato brasileiro de 2005, decidido pelo árbitro ao não aplicar um pênalti claríssimo em Tinga e ainda expulsá-lo. Ele agiu como você prevê… E decidiu o campeonato.

      Abraços.


  54. Outra coisa,

    Concordo que o Flamengo é beneficiado no Rio, assim como o Corinthians é beneficiado em São Paulo.

    Não sei se você pode acompanhar as semi-finais do Paulista, mas logo no começo do primeiro jogo o Ronaldo deu uma entrada criminosa no A. Dias (zagueiro do SP) e levou apenas amarelo. Se ele tivesse sido expulso, talvez o resultado fosse outro, visto que ele marcou um gol no 2º jogo.

    Creio que alguma instituição Global ache melhor que os times com maior torcida do Brasil sejam ajudados.


  55. P.S 2 –

    Lendo os comentários, a Mary citou lá em cima a cotovelada do Pelé na cara do uruguaio Matosas, na semifinal da Copa de 70. O juiz deu falta a favor do Brasil. Malandragrem do Pelé? Sim. Ele fez com que o juiz INTERPRETASSE o lance como falta do uruguaio.

    Na Copa de 58, Nilton Santos comete um pênalti contra a Inglaterra e dá um passo para fora da área depois de derrubar o zagueiro. Malanddragem do Nílton Santos? Sim. Ele não fez o árbitro interpretar que o lance foi fora da área, ele fez o árbitro errar.

    Abraços!


  56. Olá Felipe. Moro em Curitiba, costumo ler os seus post e esse em especial me lembrou um jogo do Campeonato Paranaense do ano passado entre Londrina e Eng. Beltrão. Fica ai o link do video que mostra que é praticamente impossível dizer que não existe maracutaia da arbitragem.

    Abraços, e parabéns pelo blog.


  57. Obs: Seja em qualquer campeonato ou favorecendo qualquer time, a maracutaia sempre está lá.


  58. Apenas mais um falando mal do Conrinthians. Já era esperado, quando alguém ou algo engrandece mais que os outros, arranjam desculpas e fazem de tudo para dizer que esse crescimento foi roubado ou não merecia.

    Corinthians está se tornando o melhor time do Brasil, se conforme ou se indigne.

    Corinthiano maloqueiro sofredor mano.


    • @Tiago:

      Desculpe, não consegui entender seu comentário. Primeiro porque o texto não é SOBRE o Corinthians, é sobre a arbitragem brasileira no geral. Segundo porque eu não consegui entender ONDE o “Corinthians está se tornando o melhor time do Brasil” ou “quando alguém ou algo engrandece mais que os outros”.

      Que tipo de universo paralelo você vive?


  59. É, por esse lado você tem razão.

    Mas há controvérsias, né? Em 2005, teve o lance dos jogos anulados, mas nem cabe entrar neste mérito, é outra discussão.

    Vamos simplificar um pouco, o modo que eu vejo, deixando de lado regras, pensando no jogo. Afinal, você já concordou comigo na parte teórica da coisa, vamos ao lado prático, ao que está no papel:

    A meu ver, o Botafogo foi prejudicado num lance que poderia ser gol. Sim, é quase certo que seria, mas não foi – você gosta de futebol, também, ja deve ter visto, como eu, jogadores mais talentosos que o Túlio perderem gols mais fáceis.

    Já o santos foi prejudicado num lance que resultou em gol.

    Colocando dessa forma, fica meio escancarado, assim.

    Sei lá, eu não tenho problema nenhum em admitir quando meu time ganha roubado. Por exemplo, o brasileiro do ano passado.

    Merecia o título, pelo que jogou no campeonato? Sim, merecia (“ah, mas teve muitos gols roubados a favor do SP!” Sim, teve. A favor de todos, o que caímos na sua idéia de que a arbitragem é ruim por definição).

    No último jogo, o gol contra o Goiás foi legal? Não, não foi, o Borges estava impedido.

    Roubado? Erro do juiz? Quem sabe? Ninguém.

    Mas não foi esse lance que decidiu o campeonato, como o lance do Santos em 95 – o que não é demérito do Botafogo (a taça está lá, nada vai mudar isso), mas sim, mérito da fórmula de pontos corridos.

    Abraços!


  60. tri campeao mundial. tri da libertadores, os 3 ultimos campeonatos brasileiros consecutivos… tudo isso foi roubado? entao o sao paulo nao tem mérito nenhum?o despeito está há um passo da ignorancia… rsrsrsrrs


    • @Reginaldo:
      Em algum momento foi dito que o São Paulo foi campeão roubado, no texto?


  61. a propósito cheguei ao seu blog através do kibe loco e achei muito bom parabens!sou leitor assiduo a partir de hoje…


  62. na resposta de um comentário vc disse que o são paulo sempre é beneficiado está ai em cima leia…


    • @Reginaldo:
      Eu disse que OS TIMES DE SÃO PAULO são beneficiados… E o São Paulo é, de fato, um dos mais beneficiados do Brasil. Isso é fato e todo mundo sabe, inclusive os são paulinos, não vejo porque ficar tão revoltado hehehe.


  63. não estou revoltado não tenho motivos para isso , só que os juises erram em todos os jogos e nao é só o sao paulo que é beneficiado o seu time tambem ja foi beneficiado com erros de arbitragem, mas nem assim consegue ser campeao né ?kkkkkkkkkk


    • @Reginaldo:
      O tópico não é sobre um time ser melhor que o outro.


  64. A arbitragem é uma porcaria em qualquer lugar do mundo, basta rolar uma graninha por baixo que parece que eles ficam cegos. Na Copa teve roubo, no ultimo minuto do 2° tempo no jogo da Italia e de Portugal, o juiz viu um penault que até hoje eu fico me perguntando de onde ele tirou aquilo.
    E um exemplo claro que a tecnologia ajuda no esporte foi no jogo de voley do Brasil, que nem lembro contra quem foi, mas o juiz tava roubando taaanto que teve uma hora que quase o Bernardinho entra la e bate naquele viado que tava la em cima e com as repitições das jogadas os juizes que ficam la naquela bancada (sei la se são juizes mesmo) anularam o ponto do outro time e deram pro Brasil. Não vejo porque não pode ter no futebol. Inventam cada desculpa idiota e eu fico besta com quem ainda concorda ¬¬

    E nem vem falar do Flamengo não, que ele é o melhor e para de chorar rapaz ! Huiahiua .. to brincando 😛 (Mas ele é o melhor mesmo x))


  65. O futebol no Brail perdeu a graça. Ultrapassou as raias do ridículo. Sào juízes corruptos e mal preparados. Não há mais amor pelo GANHAR, há sim, amor ao dinheiro. Com isso, o futebol em nosso país perdeu o brilho. Eu, particularmente não me interesso mais. Talvez volte a me interessar quando os times se tornarem empresas como já na Europa porque tudo mudará. Enquanto isso não acontece, não vou mais a jogos.


  66. Eu sou uma garota completamente apaixonada por futebol, amo meu time, e não aguento mais ver essas atitudes ridiculas, que a muito tempo assombra o futebol brasileiro, já vi meu time ser injustiçado várias vezes, e infelismente já vi juiz roubar a favor dele, e não fico nem um pouco contente quando ganhamos assim, gostaria muito de ver campeonatos limpos!


  67. Felipe, primeiramente gostari de dizer que admiro seu blog. Apesar de não concordar com muitas de suas opiniões, acho muito interessante a maneira como aborda certos assuntos, fazendo-me refletir até aquilo que não concordo.
    Bom, sobre o post (polêmico), sou corinthiano, e admito sim que dezenas de vezes fomos beneficiados pela arbitragem, como em dezenas de outras fomos prejudicados. Sobre o brasileiro de 2005, noves fora os jogos remarcados, gostaria de polemizar sobre sua opinião: não penso que o árbitro DECIDIU o campeonato…nada garante que o inter faria o gol de penalti, nem que ganharia o jogo…e caso tivesse ganho o jogo, corinthians e inter terminariam ambos com 80 pontos, sendo então aplicados os critérios de desempate pertinentes na ocasião. O inter foi sim incompetente de não ganhar do rebaixado coritiba na última rodada, isso sim.
    Polêmicas a parte, desejo sorte ao seu Botafogo, apesar de pensar que a posição na tabela não reflete a qualidade do time.
    Espero voltar, para novas discussões.

    Abraços!


  68. eu sei!


  69. Prefiro a forma tradicional de responder comentários.

    Só o fato de todas as decisões de uma partida serem tomadas quase que totalmente por um ÚNICO homem já é para ficar desconfiado.


  70. Olha, eu vim aqui apenas para postar algumas observações.

    Primeira, o Felipe esta magoado com Mary por causa de um post sobre o filme Brüno.

    Segunda, Felipe esta copiando meu jeito sarcástico e explicando as brincadeiras como eu faço com ele, vocês não vêem a maioria porque ele me censura ç.ç.

    Terceira, a sede de vingança contra Mary pode ser vista nos olhos de Felipe, ele quer retrucar um owned que tomou no post Brüno.(Ele vai ficar puto com essa observação HAUHUAHAUAH).

    Quarta, O coringão tem Ronaldo, a Globo gosta do Ronaldo, logo Ronaldo ganha.

    Quinta, O Felipe vai me xingar.

    Sexta, Mary continue a briga com Felipe, os coices que você (me refiro a Mary aqui) toma também são engraçados.


    • @Cetico1:
      Você realmente se dá muito importância. Mas muita mesmo. Nem passou pela minha cabeça o jeito que você escreve seus comentários quando fui responder à Mary.
      Eu não vou ficar puto sobre ela supostamente ter falado alguma coisa que tenha me atingido, porque isso não aconteceu. Eu não fico puto com comentários daquele tipo, até porque recebo aos montes e o dela foi ainda mais insignificante, porque ela NÃO LEU o texto na hora que comentou… E em seguida assumiu isso. Você acha que isso é suficiente para humilhar alguém? Pff.


  71. Cara, eu sou botafoguense também, o que eu vi no jogo de domingo foi mais uma prova que de que time da Globo é sempre beneficiado (Flamengo, Corinthians, São Paulo…)
    Erros sempre existiram no futebol, só que agora as coisas estão ficando cada vez mais evidentes, devido às trocentas câmeras de TV no estádio.
    Não entendo essa decisão da FIFA de não adotar a tecnologia no campo de futebol, hoje nós vemos juízes e bandeirinhas sendo suspensos, jogadores recebendo punições por jogadas dentro de campo, tudo isso graças às imagens da TV. Logo, de certa forma a tecnologia já influencia e muito no futebol.
    Será que eles acham mais válido “deixar” o juíz errar, prejudicar uma equipe e depois de ver as repetições puni-lo, do que deixar que as câmeras ajudem a consertar o erro do árbitro no próprio jogo, e assim deixar o jogo mais justo para ambos os lados?!

    Ótimo blog cara.
    Abraços.


  72. Felipe, se eu te pego. (com olhar 43 hahaahah)

    Não entendo nada de futebol, fico literalmente boiando neste assunto. Que venha os proximos post’s


  73. O problema aqui é que o pessoal lega a discussão pro pessoal. Eu mesmo levei, na primeira vez que li o tópico. Entendem que o Felipe tá falando do time de um, de outro… E ele até citou certos times, seja no post ou no comentário, mas a questão não é essa. A questão é a corrupção no futebol. A sujeira. Isso tira o tesão de assistir um jogo, seja na TV ou no estádio. Tira a graça de comemorar uma vitória. Qual o mérito em vencer com um gol impedido, ou um gol de mão? Fiquei feliz com os 3 pontos contar o Inter, semana passada, mas não comemorei. Foi injusta a vitória. Assim como diversos resultados são injustos. Não importa se o juíz favorece porque recebe pra isso, porque os clubes de São Paulo exercem pressão somente por serem de São Paulo ou se eles erram porque são humanos. A questão é que isso tem que, se não acabar, diminuir MUITO.

    Sincero abraço, Felipe.


  74. putz…quanta discussão nosense.
    Volto depois.


  75. Perfeito seu texto!
    Sobre Corinthians x Botafogo, o árbitro foi péssimo nesse jogo, errando pros dois lados. Lembro ainda que foram 4 erros grosseiros contra o Botafogo, como:

    * Penalti no Victor Simões.
    * Impedimento que não teve, que iria deixar André Lima na cara do Gol.
    * Não teve falta que originou o gol do Corinthians.
    * Não foi penalti no Jorge Henrique.

    Pro Corinthians foi apenas 1 erro:

    * Gol de mão do André Lima.

    Está na hora da CBF melhorar o quadro de arbitragem, porque isso é uma vergonha pra um país que irá sediar uma Copa do Mundo daqui a 5 anos. Ou será que mudar esse quadro vai contra os interesses da CBF?

    A CBF parece até o Senado Federal…só tem lama e sujeira.


  76. A verdade é que os juizes nunca erraram tanto!Todo jogo no campeonato brasileiro tem um erro bizonho da arbritagem.E o pior que não da para afirmar que os juizes estão agindo de má fé,jogo entre Corinthians x Botafogo é um exemplo disso,os caras são ruins mesmo.
    Mas esse ano eu não vejo uma injustiça na tabela,ao contrario de (2005,2007,2008).
    Palmeiras,são paulo,inter e goias são os melhores mesmo,Fluminense,sport,nautico e seu botafogo estão uma porcaria.
    Um post sobre o futebol carioca seria bem interessante,nos anos 90 com ótimos times e hoje realmente está triste,a ponto da unica torcida feliz é a do vasco que está na segunda divisão.


  77. Chega a ser ridículo como certas pessoas acham maneiras e mais maneiras de tentar atingir um blogueiro.

    Como até mesmo o Felipe já escreveu, isso aqui é um blog pessoal, não gostou o botão fechar esta sempre ali no alto da tela, nada que você falar vai fazer algum efeito, o blog é do cara ele escreve o que bem entender! Vai encher o saco da mãe!

    E Felipe, quando você lançar o seu livro, um, dos muitos motivos que vai me levar a ler, vai ser para ver as críticas depois…porque ô gente que não tem o que fazer em! xD

    Abraços


  78. Caro Felipe,

    Vi que a coisa ficou feia quando tocou num assunto sagrado no Brasil: FUTEBOL! Acho que damos importância demais a ele e esquecemos outros aspectos da vida dos brasileiros que merecem tanta importância e atenção quanto o futebol. Mas não condeno porquê sou um torcedor do VITÓRIA enlouquecidamente fanático e apaixonado.
    Cara, você quer ver o que é sofrer? Torça pra um time do Nordeste. Aí você verá o que é bom pra tosse. Há uma má vontade, pra ser elegante, com os times do Nordeste que beira a loucura, pra não falar nazismo.
    Os caras nos prejudicam fora de casa e dentro de casa sem o menor pudor e o pior é que não vejo ninguém da imprensa do Sul comentar absolutamente nada sobre os erros cometidos contra Nós. Se você fizer uma investigação mais apurada verá as aberrações e também o silêncio. Fica claro que não nos querem na elite do futebol brasileiro e vejo esse como um dos mais importantes motivos que nos fazem penar pra permanecer na Série A.

    Gostei do texto. Parabéns! Mas também queria dar a versão “paraíba” dos fatos.

    Abraço


  79. estava lendo o post do filme bruno e notei que todos estavam contra vc,pq nao diz de uma vez que só vc sabe tudo e que todo mundo ta errado e só vc é o certo?magestade kkkkkkkkkk

    —————————–

    Porque apenas a minoria estava contra mim. Você leu errado.


  80. Excelente texto, exceto pelas partes q falam do meu Timão (qse tds xD)
    Descobri seu blog pelo twitter. To reativando o meu e te passei 2 premios:
    http://oapanhador.blogspot.com/
    Flws!

    Twitter: http://www.twitter.com/lucasliborio


  81. Bem, a muito não andava por aqui, mas hoje passei para ver como anda as coisas e me surpreendi, NUNCA IMAGINEI QUE VOCÊ FOSSE FALAR DE FUTEBOL,
    HEHEHEH
    MAs bem, vamos ao jogo Corin. vs BOta.
    O globo esporte com sua camêra “super lenta*”, mostrou que ouve um puxão na camisa do jogador botafoguense em cima do corinthiano, o que caracteriza falta, por q não existe meia falta… então salve os enganos, o jogo merecia mesmo um empate.
    Eu gosto e sou apaixonado por futebol, e concordo quando se diz que alguma tecnologia deve ser implementada, (aos poucos) no futebol… mas imagine como isso mudaria muito as regras e a dinamica do jogo… Imaginou o chororo das torcidas e dos jogadores contestando camêras, e aqueles lances q mesmo vendo por varias delas ainda assim sobram milhões de duvidas… Vamos ter partidas de 220 minutos hehehe
    Toda e qualquer mudança é demorada, e creio q nunca o futebol será uma ciência exata…
    Abraço
    Até lá paciência.


    • @Daniel Sena:
      Ok, todos os programas esportivos do Brasil falaram que não foi falta. A transmissão na hora falou que não foi falta… O comentarista de arbitragem fez um vídeo só pra dizer os erros do juiz e falou que não foi falta.
      Mas você diz que foi falta. Então deixemos pra lá.


  82. Só para complementar…. Não gosto da idéia de algumas tecn.


  83. Que briga, Cetico1? Só dei minha opinião como o dono do blog deu a dele. Ninguém é dono da verdade, só temos diferentes pontos de vista.

    Pelo menos eu penso assim. Agora, não use meu santo nome em vão 🙂


  84. “Podemos lembrar da Libertadores de 1981, quando o Flamengo foi campeão após um dos maiores escândalos de arbitragem da HISTÓRIA DO PLANETA, no episódio em que José Roberto Wright expulsou quase o time inteiro do Atlético Mineiro quando o jogo estava 1×0 para o adversário. O jogo teve de ser paralisado e o Flamengo venceu no tribunal.”

    com certeza o episódio de 81 foi um do maiores absurdos da história da arbitragem mundial. e pra piorar pra cima do me Galo Forte Vingador ):


  85. Bom Felipe, a idéia de responder aos comentários de um jeito diferente foi muito inteligente. Fica mais empolgante ler os comentários. (Y)

    Quanto ao futebol, eu penso que todo time que existe na face da terra já foi prejudicado pelos erros de arbitragem, preciso nem falar do meu Vasco né ?

    Mais é isso ai, vamos acreditar num futuro melhor, que chegue a tecnologia no futebol, será ruim? Bom? Só poderemos falar algo sobre, quando acontecer!


  86. Cara realmente…

    Vc sempre tinha um estilo meio “eu sou o mestre da verdade, deus poderoso e o que eu digo eh verdade irrefutavel”… Ate ai tudo bem, porque pelo que eu entendo essa eh mais ou menos a ideia do blog. O mantra dele. Vir com historias sobre a ciencia, religiao e temas sem uma verdade absoluta com o intuito de filosofar as suas ideias. Escrevendo com esse estilo caracteristico, se achando mestre da verdade.

    Apesar desse metodo mestre da verdade no fim ficar meio nojento. Tudo bem, quem sou eu para julgar? Sempre li do mesmo jeito. Se nao gostasse nao ia ler…

    Agora vou dizer a DECEPCAO que foi esse post. Isso nao foi, nem de longe um post para esse blog. Vir com esse negocio de falar mal do Corinthians por causa de um jogo… Vc devia ter postado isso no blog “mimi botafoguenses choroes mimimi ):” Vir com esse negocio de eu sou o genio supremo e vir falar nas entrelinhas como o Corinthians rouba pq ganhou do Botafogo… Ah meu, cresce!

    A ideia do futebol eh essa mesmo… Nao eh uma ciencia, o negocio eh 50% tecnica com a bola, habilidade e 50% raca, saber fingir falta e mentir. Eh isso que faz o futebol emocionante. Ou vc vai me dizer que prefere ir ao estadio ver um jogo de tenis onde eles usam essas coisas? A gritaria, xingar… E de qualquer jeito, pode dizer o que quiser botafoguense chorao, ja ajudaram o Botafogo varias vezes, por causa da raca dos jogadores de fingir um penalti ou fazer um gol com a mao entao cara, vo dizer de novo, ve se cresce! Ou vc acha que essas mudancas iam so danificar os times paulista mimimi?

    E outra coisa antes que eu me esqueca… Ridicula a sua atitude super defensiva de comentar os comentarios dos outros… Responde como se fosse mais inteligente:
    “Sugestão: Livre-se das influências ignorantes e passe a ler um pouco mais. Se quiser, disponibilizo meu MSN para te dar algumas dicas.”

    AS pessoas exigem respeito e vc nao eh melhor que o resto.


    • @Tomas:
      O post foi sobre o Corinthians ser ladrão ou sobre a atual situação da arbitragem brasileira?
      Você reparou que só sendo um corinthiano pra ficar tendo crise de piti como a sua? É sinal de que o problema não está no texto.


  87. Independente do time que cada um torce, concordo em gênero, número e grau que a arbitragem no Brasil atingiu nível circense. O que tem de gol anulado, impedimento que não era impedido, falta que não era falta e falta não marcada que de fato era falta é um absurdo. Mas, considerando que dá pra se notar um certo “padrão” nos erros de arbitragem e que alguns times são sempre favorecidos, enquanto outros são sempre prejudicados, a única coisa que podemos concluir é que a arbitragem no Brasil não é ruim, ela é “comprada”.

    Quanto ao uso da tecnologia… eu até agora não aceito como não existe nenhum tira-teima disponível para os juízes avaliarem impedimentos, faltas, mãos-na-bola e pênaltis. Um mísero replay não é nenhuma tecnologia impossível, mas diminuiria bastante erros crassos e tentativas de “ladroagem”. Quem assiste tênis sabe o quanto a tecnologia é útil para os resultados. Caso tenham dúvidas sobre uma bola cantada fora (ou não) pelos juízes de linha, os tenistas têm direito a pedir um tira-teima gerado por computador e mostrando precisamente a jogada e onde a bolinha tocou. E em alguns torneios a rede tem sensores que apitam caso um saque toque nela. Não é nada impossível de ser implantado, mas que torna os resultados muito mais claros. Mas infelizmente, esse tipo de coisa poderia dificultar a “compra” da arbitragem.


  88. Cara eu sou santista.
    Mas isso nao vem ao caso.

    Na boa, pode falar o que quiser, mas voce de um jeito transaparente o suficiente que da para perceber nas entrelinhas o odio contra o corinthians no seu texto.

    Ah es desculpa pela agressividade do outro post eh q eu tava com a cabeca meio quente…

    De novo eu sou santista, so nao concordei com as ideias apresentadas nesse texto de um blog que supostamente defende tanto a racionalizacao!


    • Tomas:
      Cara, os exemplos foram vinculados ao corinthians, nada mais.


  89. Colorado adora se fazer de vítima.

    Mas lembro que o maior título do Inter foi ganho no apíto.

    Oitavas de final da Libertadores 2006. Dois gols válidos do Nacional (Uruguai) foram anulados.

    O Inter foi campeão da Libertadores e do Mundial.

    Mas segundo eles, o ajudado é sempre o Corinthians.

    Vai entender…


  90. Chororoooooo!

    Chorafoguense!


  91. COncordo.
    Só acho que você deveria se informar melhor sobre 2005 e os ERROS PRÓ INTER daquele campeonato e não ir na onde da Mídia e acreditar que o Corinthians foi beneficiado por aquele jogo.
    Foi penalti sim em cima do Tinga, mas a quantidade de jogos que o Inter ganhou no apito, também é de se pensar, mas não falam nada sobre isso.
    E é bom falar também sobre o escandalo no Campeonato de 2008, onde o São Paulo sagrou-se campeão em meio a um escândalo de arbitrágem, onde a mídia sequer fala disso.
    Abraços

    ————————–

    Érick, o Corinthians ganhou INFINITOS pontos por causa da arbitragem no brasileirão. Desculpa cara, mas 2005 ficou manchado na história do CB.


  92. E outra:jogo do Botafogo e Corinthians, o juíz errou IGUAL para os dois lados.
    Não beneficiou um ou outro mais não. Visto que ele só marcou penalti em cima do Jorge Henrique porque buzinaram na orelha dele que o gol do André Lima tinha sido em posição de impedimento e com a mão.
    Já a falta em cima do Jucilei e do jogador do Botafogo que saiu o gol de empate, nenhum dos dois foram absolutamente nada.


  93. Não conhecia o blog. Encontrei via google. Achei excelente o texto, muito bom.
    Agora há pouco, assistindo Man Utd vs Arsenal, o comentarista da ESPN (não me lembro seu nome)em relação a determinado momento deste jogo, em comparação com o futebol brasileiro, resumiu muito bem o estado da arbitragem nacional, afirmando
    que “na triste arbitragem brasileira, o spray(delimitador da barreira) é o que há de melhor”. Na mosca!

    Parbéns pelo blog.

    Abraço.


  94. mimimimimi

    em 2005 o inter nao teve nem a capacidade de vencer o rebaixado coritiba pra dizer que é “campeao moral”.
    o trofeu tá na sala do Corinthians.

    quem pode mais chora menos.


  95. ahh…. e pq ninguém fala da libertadores roubada que o internacional ganhou?
    menos então…


  96. Sou corinthiano, e esse jogo contra o Botafogo o juiz fez uma lambança generalizada, o penalte no Jorge Henrique foi ridiculo, e o gol de mão do André Lima foi pior…pra mim nenhuma das duas faltas aconteceram. MAS! Ok. Nas entrelinhas está que o Corinthians é beneficiado, assim como nos comentarios aqui está que os times paulistas são beneficiados. Principalmente de torcedores do Inter, até o começo onde eu li. No jogo contra o Inter pelo Brasileiro o corinthians fez 2 gols impedidos e venceu a partida. Neste mesmo estádio, dias antes, um juiz X validou 2 gols do Alecsandro contra o São Paulo. Os dois em impedimento. O jogo acabou 2 a 2. Roubaram pro Inter?
    Não acho. Acho que juizes erram muito e erram feio. Agora… é muito facil culpar a arbitragem por tudo, pelo sol, pela chuva, pelos resultados ruins do seu time, e nao olhar pro próprio umbigo… é mais facil tapar o sol com a peneira. Hoje é dia 31 de agosto. O Rio de Janeiro tem 2 times na zona da degola. O Flamengo que está sempre de mal a pior e ninguém recebe salários. O Vasco disputa a serie B. E é mais que notória a força do futebol carioca junto a CBF, inclusive é o estado onde está a sede da instituição… Todos estes resultados ruins se devem a atuação de arbitragem? Mas TODOS? os 16 pontos do Fluminense?… E ainda você responde à moça que comentou aqui, que ela de “Forma Passional”? Forma passional é o jeito cego que você está defendendo esta sua tese de que são todos a favor dos outros. Você cita o Flamengo em 81 e esquece a final de 95 do brasileirão, é mais recente…mas essa nao vale a pena citar… “deixa pros comentarios, se ninguém lembrar, passa batido”. O Botafogo foi campeão brasileiro com um erro de arbitragem, anulando o unico gol legitimo, daquele 1 a 1 e impedindo o santos de ser campeão brasileiro daquele ano… Roubo? Nao acredito nisso… que a arbitragem está ruim…está. Alguns mais feios que outros… mas parece que automatizar a coisa é a solução.. Discordo novamente… acho que os arbitros devem permanecer humanos… errando e acertando… pra gente poder ter conversa no bar, no trabalho no dia seguinte. Não acho que valha a empolgação, não, em breve errarão a favor do seu time novamente… e errarão a favor do meu… e de quem mais está lendo isso. Isso é futebol.
    Nao leio sempre seu Blog, caí aqui por acaso por causa da insônia. Mas desta vez discordo de você.
    e Ah.. acho que vale a pena lembrar.
    O segundo jogo das semis da Champions League 2008/2009, entre Barça e Chelsea foi um festival de erros… falta meio metro dentro da area, que o juiz marcou… fora da area. 2 ou 3 lances duvidosos de bola na mao ou mao na bola, na area do barcelona…foram pelo menos 6 lances duvidodos dos quais 3 penaltes eu achei que foram pro Chelsea nesse jogo… acabou 1 a 0 pro Barça..gol nos acréscimos do segundo tempo. Classificação e festa pro Barcelona…pra você ver como arbitros erram em todo lugar. Aqui no Brasil desse jeito eu ja consigo imaginar… o Lampard depois do jogo, na entrevista coletiva, chorando e dizendo “Se eu fosse torcedor, eu nunca mais vinha no estadio!”… Abramovic vendendo o clube, saindo de fininho… e olha que foi só no interclubes mais caro do mundo.
    Lamentável.
    E, mais uma vez… nao frequento seu blog, nao sei quem você é, mas é contagiante o seu carinho com as pessoas que lêem o que você escreve.
    E esperamos que a arbitragem seja melhor mais frequentemente =).


    • @Caio:
      Eu já falei sobre o jogo Botafogo e Santos em 95 aqui nos comentários de forma ampla. Basta ler para entender o que aconteceu naquela final.
      E, pelo visto, você é a favor do pensamento de que “o futebol precisa dos erros”. Eu já sou contra. Vendo meu time sair nas capas dos jornais como “o mais prejudicado no Brasil”, não posso concordar com você. Duvida? Compre jornais esportivos e leia. Ou então, leia a última matéria do Mauro Beting sobre o fato, no Yahoo.


  97. Que bom seria se os erros se restringissem APENAS aos arbitros, sou Colorado, e me recordo da Final da Libertadores de 2005, onde tiraram o Atlético PR da arena, e jogaram aqui no Beira Rio. Essea dias pesquisando, descobri que o São Paulo NUNCA ganhou na Arena da Baixada, coincidência a mudança de estádio?!
    Sempre vai ser assim com os times em ascenção. Assim foi com o São Caetano, que no começo da decada era um clube promissor, hoje não passa de um clube mediocre, não há clube que resista a mídia, que sinceramente me ENOJA ainda mais que a arbitragem falha. Figuras como Neto, Milton Neves e Paulo Morsa deveriam ser banidos dos veículos de informação…
    E pra quem diz que o Corinthians não é beneficiado com a arbitragem, só pode ser burro, ou corinthiano, ou seriam sinônimos?!


  98. Mais uma vez o Botafogo foi prejudicado pela arbitragem contra o Grêmio.

    Isso será assim até quando?


  99. Campeonato brasileiro mais roubado que o de 1986 não existe….
    guarani campeao moral de 86……


  100. Ae gente, quem quer entender oque é verdadeira robalheira, ve esse vídeo da final da libertadores de 81: http://www.youtube.com/watch?v=PwwXKwHm6BI , e espera até o final só para você ouvir o nome do juíz, é o mesmo que só fala bem do flamengo e so fala mal do Botafogo.

    ASSIM ATÉ O IBIS GANHAVA!


  101. não usar tecnologia por que os erros fazem parte do espetáculo é a parte mais engraçada.

    Então faça os nadadoros usarem só sunga em vez daquelas roupas tecnológicas que diminuem o atrito com a aguá..

    Quem diz este tipo de coisa é favorecido com a manipulação de resultados. Com certeza


  102. Felipe Neto, não sei pra que time você torce, mais você mesmo disse, intão da uma olhada nos times mais favorecidos dos campeonatos de pontos corridos, o São Paulo, que todos elogiam, é del onge mais favorecido, e so teria ganho um dos titulos nos ultimos 3 anos, os outros perderia, fora que o Corinthians não teria sido rebaixado, nem o Vasco…
    Alias ate hoje procuro o penalti no Tinga naquele dia…
    Outra coisa mais, existi sim um esquema por tras do juizes, mais no meu ver não é para favorecer um time em si, mas sim tentar manter sempre os mesmos no topo, ou como você explica coisas como o Avai que tava voando derrepente ser açoitado 3 jogos seguidos ja por erro… sempre os mesmo la na ponta, sem interferençia, sem mudanças, sem meritos…

    Alias eu sou Corinthiano.


  103. Felipe,

    Parabéns pelo seu blog! Também sou um torcedor apaixonado por futebol e fico muito decepcionado por ver episódios tão lamentáveis envolvendo a arbitragem e questões extra campo.

    Concordo que uma das alternativas para reduzir os erros de arbitragem seja o uso da tecnologia. Mas uma outra questão que também me preocupa é em relação aos julgamentos no STJD. Atualmente, somente os casos relativos a erros de direito (quando o juiz desconhece ou não cumpre uma regra do futebol) são passíveis de anulação de uma partida, enquanto que os casos relativos a erros de fato (originários exclusivamente da interpretação do árbitro) passam batido. Isto é um absurdo, pois mesmo se o juíz tiver cometido um erro grosseiro, como naquele gol de mão do jogador do Paraná, e estiver bem perto do lance e ninguém tiver dúvida de que o juiz errou, o máximo que acontece é ele ser afastado do quadro de arbitragem, mas o resultado da partida (e de todo um campeonato) permanece inalterado. E o pior, quando um time “conquista” um título dessa maneira, a maioria dos seus torcedores simplesmente finge que não viu a roubalheira e o considera “legítimo”. A meu ver, todos os lances críticos oriundos de erros de fato que interferem em uma partida também deveriam ser passíveis de anulação.

    É verdade que juiz é humano e também erra, mas ele também é autoridade máxima em campo. E é justamente essa combinação que, no meu ponto de vista, mais contribui para a corrupção no futebol. É dado o direito dele errar nas interpretações dos lances em uma partida que pode mudar os rumos de todo um campeonato, mas na hora do julgamento nada pode ser feito para se anular uma partida dessas, mesmo com todas as evidências dos erros cometidos, só porque o juiz é autoridade máxima em campo. Analogamente, é o mesmo que um juiz no tribunal inocentar um criminoso, mesmo após serem apresentadas todas as evidências do crime cometido. Uma vergonha.

    Para finalizar, não são todos os times de SP que são favorecidos dentro e fora de campo. Apenas os grandes que são favorecidos, dentro de campo, e também fora, através dos dirigentes de futebol do nosso país e dos detentores dos diretos de transmissão. Não sei se todo mundo percebeu isso, mas o último caso de favorecimento de um clube em detrimento de outro aconteceu recentemente.

    O time do Barueri quis ter como patrocinador a empresa BestshopTV.com, de e-commerce. No entanto, a Globo e o Clube dos 13 impediram o patrocínio, alegando que a empresa tem vínculo com uma emissora de TV. As duas entidades ainda embasaram seus argumentos de acordo com um artigo da Lei Pelé, que diz que nenhum clube pode receber patrocínio de empresas ligadas a emissoras de TV.

    Ora, se isto realmente proceder, deveriam fazer exatamente o mesmo com o Corinthians, que recebe patrocínio do BAÚ e do Banco Panamericano, ambos pertencentes ao Grupo Sílvio Santos que, obviamente, tem vínculo com uma emissora de TV – o SBT. Mas o patrocínio foi permitido sem qualquer contestação por parte das autoridades do futebol. E tão ou mais estranho ainda foi o último incidente envolvendo o jogador Ronaldo e o árbitro da partida Corinthians e Grêmio, que resultou na suspensão do jogador para a partida contra o Sport, precisamente no dia em que Ronaldo deve aparecer num dos programas do SBT com Sílvio Santos, para falar sobre sua participação em propagandas do BAÚ e do Banco Panamericano, e sobre a possibilidade de receber até 50 milhões de reais por isto.

    Igualmente estranho é o fato de o técnico Mano Menezes, do Corinthians, ter o seu pedido de ampliação do Pacaembu atendido por uma comissão de vereadores em São Paulo, num claro exemplo de favorecimento ao clube da capital paulista em caso de compra do estádio por parte do mesmo. As melhorias no estádio do Pacaembu não devem ser feitas em benefício de interesses particulares, muito menos de um clube específico, pois o Pacaembu, assim como o Maracanã, é patrimônio público e nacional.

    Fico por aqui, e espero ter contribuído positivamente para o blog.

    Abraço a todos!


  104. O texto ficou otimo Felipe e mais uma vez venho te deixar os parabéns.

    Nem pretendia comentar nesse post, mas deparei-me com os comentarios ridiculos de corinthianos cegos e fanaticos e tive que fazer um questionamento: pq eles gostam tanto de ser ‘maloqueiros e sofredores’?

    Desde quando tais caracteristicas contribuem positivamente?

    Possuo certa repulsa por corinthianos e, ao contrario do que muitos pensam, não é pela rivalidade entre eles e meu time (PALMEEEEEEEIRAS!), e sim pela hipocrisia e nivel baixo que a maioria possui. Isso me revolta! Fanatismo, ignnorancia e a corja do nosso país.


  105. ninguém fala que na final de 95 e falta que gerou o gol do Santos foi cavada

    no segundo tempo Márcio Rezende de Freitas marcou várias faltinhas para o Santos, o bandeirinha não marcou um impedimento da equipe santista, o árbitro deixou de dar cartões para a equipe do Santos, no primeiro jogo a vantagem não dada, o Túlio sairia na cara do goleiro, o Sidrack Marinho não marcou um pênalti para o Botafogo

    resumo, o Botafogo se aproveitou dos erros a seu favor, o Santos não
    e grande passe do Giovani para o Tulio no Maracanã rsrsrsrsr, obrigado Giovani!

    placar justo 3×1 no maracanã
    0x0 no pacaembu, nossa segunda casa, beijos do Loco Abreu sardinhas!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: